Conheça a história da Fórmula Indy

Conheça a história da Fórmula Indy

Categoria passou por uma separação em 1996 e agora está unificada

FOX Sports

Com a vitória de James Hinchcliffe na São Paulo Indy 300, neste último domingo (5), confira um pouco mais sobre a história da categoria que começou no final da década de 70 e se tornou, aos poucos, uma das principais modalidades do automobilismo internacional. 

1979-1995: o começo da Indy

O Nome 'Indy' e os primeiros campeões

O nome "Indy" foi usado durante toda a década de 80 e primeira metade da década de 90 para descrever as corridas de carros de Fórmula conhecidos como 'Open Wheel' nos Estados Unidos. Esses campeonatos eram sancionados pela CART (Championship Auto Racing Teams), com exceção das 500 Milhas de Indianápolis, que pertenciam à USAC (United States Auto Club). Havia uma preocupação com o nome CART, que podia ser confundido com o termo kart  e o nome 'Indy' também era uma aproximação clara à corrida mais importante do automobilismo norte-americano, a Indy 500.

Rick Mears (foto acima) foi o primeiro campeão da categoria, em 1979. Uma primeira geração de pilotos foi formada, composta por já veteranos de corridas de Fórmula nos EUA, como A.J. Foyt, Rick Mears, Bobby Rahal, Emerson Fittipaldi e Al Unser, que viriam a se tornar alguns dos maiores vencedores da história da categoria. Em 1989, correndo com um carro da equipe Patrick, Emerson Fittipaldi se tornou o primeiro brasileiro a vencer as 500 Milhas de Indianápolis e, posteriormente, o título da Fórmula Indy. 

1996: a separação

Jimmy Vasser foi o primeiro campeão da história da CART, em 1996 (Getty Images)

Apesar de não ser sancionada pela CART, a Indy 500 continuava contando como parte do calendário e valia o mesmo número de pontos que qualquer outra prova, o que começou a gerar problemas. Havia uma disputa também para saber quem ficaria com a marca Indy Car, que dava nome à categoria. Em 1996, o diretor do autódromo de Indianápolis, Tony George, decidiu separar as duas categorias. Foi formada a Indy Racing League, conhecida como IRL que teve sua primeira corrida realizada na Disney e a CART, que manteve seus principais pilotos e equipes, como Penske, Chip Ganassi e Newman Haas.

Mesmo tendo pilotos menores, menos dinheiro e patrocinadores, a IRL ainda detinha os direitos da Indy 500, apesar da CART ter entrado com um processo em '96 para adquirir os direitos da pista. Jimmy Vasser (foto acima) foi o primeiro campeão da CART, enquanto na IRL os pilotos Scott Sharp e Buzz Calkins terminaram empatados em pontos e foram ambos coroados campeões da temporada. 

Como projeto de Tony George, as corridas da IRL eram realizadas somente em circuitos ovais e exclusivamente em solo americano. Enquanto isso, a CART tinha provas no Canadá, Brasil e Japão e pilotos de nível internacional, como Alex Zanardi, Michael Andretti, Juan Pablo Montoya, Paul Tracy e Gil de Ferran. Logo ela se tornaria mais importante do que a rival que continuava a correr em círculos, possuindo grandes eventos como a US 500 em Michigan e muito mais dinheiro.

Gil de Ferran se tornou o segundo brasileiro a vencer um título da categoria, levando os campeonatos de 2000 e 2001, com um carro da Penske.

2002: a mudança de times

Em 2001 a CART tentou realizar uma corrida de 600 Milhas no oval do Texas. No entanto, devido a inclinação das curvas, somado com a potência dos motores dos carros que atingiam velocidades autíssimas, vários piloto sentiram tontura ou desorientação, o que fez com que 21 dos 25 inscritos reclamassem. Isso obrigou os dirigentes da categoria a cancelarem o evento. Os donos do oval do Texas decidiram processar a categoria e o processo terminou em um acordo entre US$ 5 e 7 milhões. A perda desse dinheiro, mais US$ 1,7 milhão gastos durante o processo, foram um golpe duro na categoria. 

Em 2002, a Penske se mudou permanentemente para a IRL, e a Ganassi foi atrás, colocando seus pilotos em ambas as categorias. No final daquele ano, os fornecedores de motores, Honda e Toyota também decidiram abandonar a CART, que deixou de existir no término de 2003. Cristiano da Matta venceu 7 corridas naquela em 2002 e se tornou o terceiro brasileiro a ser campeão enquanto Paul Tracy se tornou o último campeão da história da CART.

2003 a 2007: a força da IRL

A CART passou a se chamar Champ Car e a IRL começou a ganhar força. Scott Dixon foi campeão em 2003 e Tony Kanaan dominou completamente a temporada de 2004. Foi o último título de um piloto brasileiro. Enquanto isso, o francês Sebastien Bourdais foi soberano de 2004 a 2007, vencendo todos os campeonatos. 

Pouco a pouco a IRL começou a introduzir circuitos mistos e de rua no campeonato, como Mid Ohio e St. Petersburg. Dan Wheldon, Sam Hornish Jr., Dario Franchitti e Scott Dixon venceram as temporadas seguintes. 

2008: a unificação entre as categorias

Dario Franchitti conquistou três títulos consecutivos depois da unificação das categorias (Getty Images)

A unificação da IRL e da Champ Car coincidiu com a crise do mercado imobiliário dos Estados Unidos de 2008. Naquele ano a Champ Car declarou falência e ambas as partes chegaram a um acordo para transformar as duas categorias em uma única. Dessa forma, a Indy se tornaria uma categoria com corridas internacionais, sendo que a única prova realizada em outro país que não os EUA era o GP de Motegi, no Japão. 

As equipes Newman Haas, Dale Coyne, Conquest, HMV e Pacific Coast migraram para a Indy. A PKV Racing se tornou KV Racing e também realizou a transição no começo de 2008. No entanto, as tradicionais Forsythe e Walker Racing, junto da Rocketsports, não completaram a transição e deixaram de existir no circuito de 'open wheel racing' nos EUA. 

Scott Dixon venceu a temporada de 2008, seguido de três títulos consecutivos de Dario Franchitti (foto acima) entre 2009 e 2011, depois que o piloto escocês passou por uma experiência frustrada na Nascar. Ryan Hunter-Ray foi o campeão da última temporada, em 2012, que contou também com a introdução de um novo carro. 

A Indy no Brasil

André Ribeiro ganhou a primeira edição da Rio 200, em 1996. Ele foi o único brasileiro a vencer uma corrida da Fórmula Indy no Brasil (Getty Images)

A primeira corrida da Fórmula Indy no Brasil aconteceu em 1996, quando a categoria ainda era a CART. O brasileiro André Ribeiro (foto acima) foi o vencedor da prova de inauguração, correndo com um carro da equipe Tasman. Até hoje ele é o único brasileiro a vencer uma corrida no Brasil. A prova acontecia no circuito oval de Jacarepaguá, que também sediou provas da Fórmula 1 entre 1978 e 1989.

Paul Tracy, Greg Moore, Juan Pablo Montoya e Adrian Fernandez venceram as provas seguintes. Devido a um problema de contrato, o circuito deixou de sediar provas da CART depois de 2000 e em 2008 ele começou a ser demolido para dar lugar às instalações dos Jogos Olímpicos de 2016.

Greg Moore venceu o GP do Brasil em 1998. James Hinchcliffe foi o segundo canadense da história a conquistar esse feito (Getty Images)

A prova então se mudou para São Paulo. Um circuito de rua foi improvisado próximo à Marginal Tietê, passando pelo sambódromo do Anhembi. Will Power venceu a edição inaugural de 2010, além das provas de 2011 e 2012. Em uma manobra ousada na última curva, James Hinchcliffe ultrapassou Takuma Sato para vencer a última edição de São Paulo Indy 300, no último domingo, 5 de maio. Ele foi o segundo vencedor da história do evento e o primeiro canadense a ganhar uma prova da Indy no Brasil desde Greg Moore (foto acima) em 1998.

Veja abaixo a lista dos campeões da categoria desde 1979:

Indy Car

1979: Rick Mears

1980: Johnny Rutherford

1981: Rick Mears

1982: Rick Mears

1983: Al Unser

1984: Mario Andretti

1985: Al Unser

1986: Bobby Rahal

1987: Bobby Rahal

1988: Danny Sullivan

1989: Emerson Fittipaldi

1990: Al Unser Jr.

1991: Michael Andretti

1992: Bobby Rahal

1993: Nigel Mansell 

1994: Al Unser Jr.

1995: Jacces Villeneuve

CART

1996: Jimmy Vasser

1997: Alex Zanardi

1998: Alex Zanardi

1999: Juan Pablo Montoya

2000: Gil de Ferran

2001: Gil de Ferran

2002: Cristiano da Matta

2003: Paul Tracy

IRL:

1996: Scott Sharp/Buzz Calkins

1997: Tony Stewart

1998: Kenny Brack

1999: Greg Ray

2000: Buddy Lazier

2001: Sam Hornish Jr.

2002: Sam Hornish Jr.

2003: Scott Dixon

2004: Tony Kanaan

2005: Dan Wheldon

2006: Sam Hornish Jr.

2007: Dario Franchitti

IZOD Indy Car

2008: Scott Dixon

2009: Dario Franchitti

2010: Dario Franchitti

2011: Dario Franchitti

2012: Ryan Hunter-Ray

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!