Cruzeiro confirma Luan com Charles e Marcelo Oliveira no Palmeiras

Cruzeiro confirma Luan, com Charles e Marcelo Oliveira no Palmeiras

No Palmeiras desde 2010, atacante pediu para ser negociado após ser vaiado em jogo do Verdão

Gazeta Press

Duas semanas após Luan pedir para sair do Palmeiras ao ser insultado na estreia do time no ano, o atacante, enfim, encontrou um clube. O Cruzeiro confirmou que o jogador fará exames e já assinará contrato nesta segunda-feira (4 de janeiro), assim como os volantes Charles e Marcelo Oliveira farão no Verdão, como parte da negociação.

“O Luan é mais um que vem nos ajudar. Chega a Belo Horizonte amanhã (segunda-feira, 4) para realizar os exames médicos. Dando tudo certo e assinando contrato, vamos oficializar. Mas está tudo certo”, disse o diretor de futebol do clube mineiro, Alexandre Mattos, à rádio Itatiaia.

Não perca: Pato vai mal em rachão, vira alvo de chacota e recebe Troféu Pereba

Confira também: Boca é o melhor sul-americano do século, mas brasileiros dominam

E mais: Veja todas as curiosidades e números da Copa Bridgestone Libertadores

Fique por dentro: Atriz pornô dá 'boas vindas' a Beckham no Paris Saint-Germain

Charles e Marcelo Oliveira desembarcam na capital paulista também nesta segunda-feira. “Os jogadores do Cruzeiro estão indo para São Paulo para ficar tudo certinho”, confirmou Mattos.

A troca é por empréstimo. Luan, que tem contrato com o Verdão até 31 de julho de 2016, fica na Raposa até dezembro, mesmo período em que Charles e Marcelo Oliveira permanecerão no Palmeiras. A diferença é que Charles está vinculado ao Cruzeiro até o fim de 2015, enquanto Marcelo Oliveira tem seu contrato encerrado com a equipe mineira no próximo dia 31 de dezembro.

Na negociação para ceder Luan, o Palmeiras ainda poderia levar o zagueiro Rafael Donato, mas o nome não teve tanta aprovação no clube paulista. De qualquer forma, Gilson Kleina ganha mais dois atletas para seu enxuto elenco para o lugar de um jogador que não queria ficar.

Luan está no Palmeiras desde 2010 e sempre foi contestado por torcedores, mas Luiz Felipe Scolari pediu e o então presidente Arnaldo Tirone pagou em 2011 cerca de R$ 7 milhões ao Toulouse, da França, para tê-lo em definitivo. Os xingamentos no último dia 20, porém, fizeram o jogador pedir para ser negociado.

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!