Astro do Telecatch, Ted Boy Marino morre no Rio de Janeiro

Mario Marino faleceu aos 72 anos, vítima de uma parada cardíaca após uma operação de emergência

False
66040

Ted Boy Marino faleceu aos 72 anos, nesta quinta-feira (27 de setembro), no Rio de Janeiro. Ícone do Telecatch (programa que exibia lutas livres encenadas na década de 1960), ele não resistiu a uma cirurgia emergencial realizada no Hospital Pró-Cardíaco, no Bairro de Botafogo.

Com insuficiência vascular aguda, Ted Boy chegou ao hospital nesta manhã e foi obrigado a se submeter à operação de emergência devido à gravidade de seu estado. O ex-lutador sofreu uma parada cardíaca após a cirurgia.

Mario Marino, verdadeiro nome de Ted Boy, era italiano da Calábria e começou a gostar de luta livre quando garoto, em Buenos Aires (sua família se mudou para a Argentina após a Segunda Guerra Mundial). Ele assistia às lutas coreografadas, pela televisão, e praticava halterofilismo enquanto não estava trabalhando como sapateiro.

Ted Boy decidiu seguir a carreira dos seus ídolos. Fez sucesso. Aos 24 anos, veio para o Brasil com outros cinco lutadores, todos contratados pela TV Excelsior. Com status de galã, integrou a primeira formação de “Os Adoráveis Trapalhões”, com o amigo Renato Aragão, entre outros programas.

No ano passado, Ted Boy criticou os lutadores de MMA (artes marciais mistas) do presente. “A gente levava umas porradas, mas sabia bater e cair. O Telecatch era uma fantasia, um espetáculo. A família toda podia assistir. Às vezes, escapavam algumas gotas de sangue, e a censura já caía em cima da gente. Imagine o que eles não fariam com essas lutas de agora. Deveriam proibir, não é? Ou transmitir em um horário bem tarde. As crianças, pelo menos, não podem ver”, opinou, na época

Deixe seu comentário