Riquelme admite chance de ser presidente do Boca e revela condição para concorrer

Riquelme admite chance de ser presidente do Boca e revela condição para concorrer

Em entrevista ao FOX Sports Argentina, Riquelme revelou que esteve em contato com diferentes setores que se candidatarão à presidência do clube a partir de 8 de dezembro

EFE

De olho nas eleições do Boca Juniors, o ex-meia argentino Juan Román Riquelme pediu a união dos diversos setores do clube, em dezembro, e afirmou que pode até pensar em ser presidente "se houver união" entre as candidaturas. Em entrevista ao FOX Sports Argentina, Riquelme revelou que esteve em contato com diferentes setores que se candidatarão à presidência do clube a partir de 8 de dezembro, mas disse que não será "cavalo de batalha" nem um "ás na manga" de algum deles.

Riquelme se mostrou crítico em relação ao clima de derrota gerado após a eliminação para o River Plate nas semifinais da Libertadores, motivo pelo qual pediu a união dos candidatos para que o clube possa se reerguer.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

Durante os últimos meses, a imprensa argentina relacionou Riquelme a três candidaturas e apontou, inclusive, que o ex-jogador poderia ser tornar vice-presidente por alguma delas.

De um lado, concorre a situação, liderada por Christian Gribaudo, que é apoiado pelo atual presidente do Boca, Daniel Angelici. Do outro, as oposições lideradas por Jorge Ameal e José Beraldi.

"Se houver união, posso pensar em ser presidente, posso pensar em ser o que for", comentou ao ser questionado sobre a vontade de ajudar o clube e se assumiria como vice-presidente ou diretor se houver uma união entre as três candidaturas.

Riquelme destacou que todos os candidatos compartilharam posições no passado e pediu a todos a criação de um projeto capaz de ganhar a Conmebol Libertadores, após 13 anos sem o título do torneio continental.

"Estou cansado de vê-los lutar pelo poder. Todos temos que estar juntos, somos torcedores do Boca", argumentou o ex-jogador.

Leia também!

Sampaoli pede Valdivia como primeiro reforço no Santos para 2020

Ex-Flamengo faz revelação importante sobre Gallardo antes da final

PSG: Leonardo ‘rebate’ declaração polêmica de Zidane sobre Mbappé

(Crédito da imagem: Marcelo Machado de Melo/Foto Arena)

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade