Lyon define Rudi Garcia na vaga de Sylvinho para o comando da equipe

Lyon define Rudi Garcia na vaga de Sylvinho para o comando da equipe

Equipe francesa anunciou a saída do brasileiro na última semana e a chegada do novo comandante

FINAL LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
FINAL LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
ao vivo
PRÉ-JOGO LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
PRÉ-JOGO LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: FORTUNA DÜSSELDORF X BAYERN DE MUNIQUE
CAMPEONATO ALEMÃO: FORTUNA DÜSSELDORF X BAYERN DE MUNIQUE
ao vivo
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 2
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 2
ao vivo
NBB: PINHEIROS X FLAMENGO
NBB: PINHEIROS X FLAMENGO
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA DORTMUND X PADERBORN
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA DORTMUND X PADERBORN
ao vivo
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 1
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 1
ao vivo
BAIXE O APLICATIVO
Gazeta Press

O Lyon anunciou nesta segunda-feira a contratação do técnico francês Rudi Garcia, uma semana após a demissão do brasileiro Syilvinho. Garcia, 55 anos, assinou contrato com o Lyon até junho de 2021.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

Ex-técnico do Marselha, da Roma e do Lille, entre outros clubes, Garcia chega com o objetivo de mudar a dinâmica de um Lyon que tinha a pretensão de brigar pelo título nacional, mas que atualmente tem apenas um ponto a mais que o penúltimo colocado do Campeonato Francês, o Dijon, seu próximo adversário.

Carlos Alberto toma uma guilhotina em aula de MMA com equipe do FOX Fight Club

Sylvinho havia sido escolhido pelo compatriota Juninho Pernambucano, nomeado diretor técnico do Lyon para esta temporada, mas acabou demitido após derrota por 1 a 0 para o arquirrival Saint-Etienne.

Ex-jogador, Garcia teve sua primeira experiência como técnico no Saint-Etienne em 2001. Em seguida, trabalhou no Dijon (2ª divisão, 2002-2007), no Mans (2007-2008), no Lille (2008-2013), ganhando uma Ligue 1 e a Copa da França (2011), e na Roma (2013-2016), sendo vice-campeão italiano em 2014 e 2015.

Depois, o técnico assumiu o comando do Olympique de Marselha entre 2016 e 2019, alcançando a final da Liga Europa, perdida para o Atlético de Madrid em 2018.

Leia também!

Flamengo monta operação para ter dois reforços contra o Fortaleza 

Jogador do Palmeiras dispara: “É ruim não estar jogando”

A frase de Carille que pode irritar ainda mais a torcida do Corinthians

Crédito da foto: Reprodução/Twitter/Lyon

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade