Números contrapõem discurso de Carille sobre imaturidade do Corinthians

Números contrapõem discurso de Carille sobre imaturidade do Corinthians

Treinador apontou perfil jovem do elenco como um dos fatores para a derrota dentro de casa para o Independiente del Valle

Gazeta Press

Na avaliação de Fábio Carille após a derrota do Corinthians para o Independiente Del Valle dentro da Arena de Itaquera, seu time não conseguiu se impor frente aos equatorianos muito por causa da falta de experiência, principalmente no setor ofensivo.

Essa eventual imaturidade, aliada a desvantagem física, foram os principais problemas apontados por Carille na partida contra “nego malandro”. O técnico inclusive admitiu que voltou para o segundo tempo com Gustavo e Mateus Jesus na busca por um equilíbrio no ‘corpo a corpo’.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

Mas, apesar do discurso de Fábio Carille, o Independiente del Valle que entrou em campo nessa quarta e deu “um show de bola” no Corinthians, conforme opinou o próprio presidente Andrés Sanchez, teve média de idade inferior ao esquadrão alvinegro.

Se somarmos a idade de todos os atletas que participaram da primeira semifinal da Copa Sul-Americana, o Corinthians teve um grupo pouca coisa mais experiente em campo: média de 25,50 contra 25,42 anos.

Fla ou Grêmio? PVC, Benja e companhia elegem quem tem o futebol mais bonito do país

CR7, Messi ou Van Dijk? PVC, Bolívia, Benja e companhia elegem o melhor do mundo

Na comparação dos times que iniciaram o confronto, a disparidade corintiana nesse sentido cresce. O time titular de Carille teve média de 29,12 anos de idade, contra 26,09 do rival equatoriano.

O Corinthians teve seis jogadores com 30 anos ou mais em campo. O Del Valle apenas dois nessa faixa.

(Crédito da imagem: Richard Callis/Foto Arena)

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade