Klopp lembra de bebedeira epica em festa de titulo com direito a carona em caminhao de galinhas

Klopp lembra de 'bebedeira épica' em festa de título com direito a carona em caminhão de galinhas

Em documentário sobre o Borussia Dortmund, seu ex-clube, o técnico alemão lembrou sobre a conquista da Bundesliga 2010/11 com os Aurinegros

FOX Sports

O título da Champions League da última temporada com o Liverpool não foi o único comemorado à altura por Jürgen Klopp. Em 2011, depois de conquistar a sua primeira Bundesliga com o Borussia Dortmund, o técnico alemão revelou ter tido uma noite daquelas, que terminou de uma forma no mínimo inusitada para o treinador.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Fla ou Grêmio? PVC, Benja e companhia elegem quem tem o futebol mais bonito do país

Em recente documentário lançado sobre o Dortmund pela Amazon, o treinador lembrou da ressaca que teve após as comemorações pelo título, quando acordou dentro de um camião, numa fábrica alemã. E olha que no dia seguinte, o clube ainda prepararia uma festa formal para todos os campeões, mas Klopp decidiu queimar a largada.

“Não me lembro de nada que faça sentido. Não sei se contei a alguém. Na verdade, acordei em um caminhão dentro de uma garagem. Sozinho. Eu me lembro, mas não faço ideia das horas anteriores”, começou contando.

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

Brasil Futebol Expo reúne indústria do futebol de 4 a 8 de setembro

“Acordei, saí do caminhão e me vi em uma grande sala de fábrica. Então atravessei o pátio e vi a silhueta de um homem. Então assobiei, e notei que a silhueta diminuiu um pouco. Então esperei e vi Aki Watzke (Hans-Joachim Watzke, CEO do Borussia Dortmund). Então Aki e eu éramos as únicas pessoas neste enorme pátio”, prosseguiu.

Naquele mesmo dia o Dortmund prepararia um desfile com os campeões e ele Aki precisaram pegar algum transporte até o local, situação que também foi inusitada.

“Aki parou um caminhão velho da Mercedes na estrada. Era um turco em uma van. E Aki disse: "Leve-nos para o italiano". "Não, eu não vou te levar até lá", respondeu o cara. Então, Aki coloca a mão no bolso, encontra 200 euros e diz: "Você vai". Ele vê o dinheiro e responde que está tudo bem”.

“Aki senta na frente, eu me deito. Tentei continuar dormindo com a cabeça para o lado, estava um pouco cansado. Mas eu continuava ouvindo 'cluck, cluck, cluck'. O que está acontecendo aqui? Eu pensei que tinha sonhado. Mas não. O porta-malas estava cheio de galinhas ”, completou.

Leia também!

Flamengo pode perder Jesus para os dois confrontos contra o Grêmio

Messi pode deixar o Barcelona de graça em 2020; entenda

Gonçalves vê Fla como 'clube a ser batido' e aponta caminho a rivais cariocas

Crédito da foto: EFE

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade