Jesus cita dois fatores que prejudicaram o Fla no Maracanã e diz: “Fomos melhores nos 90 minutos”

Após a eliminação nos pênaltis, o técnico português lamentou a lesão de De Arrascaeta, ainda no primeiro tempo da partida

SUPERLIGA ARGENTINA: RIVER PLATE X SAN LORENZO
SUPERLIGA ARGENTINA: RIVER PLATE X SAN LORENZO
ao vivo
SUPERLIGA ARGENTINA: ROSARIO CENTRAL X BOCA JUNIORS
SUPERLIGA ARGENTINA: ROSARIO CENTRAL X BOCA JUNIORS
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: UNION BERLIN X COLÔNIA
CAMPEONATO ALEMÃO: UNION BERLIN X COLÔNIA
ao vivo
SUPERLIGA ARGENTINA: LANÚS X RACING
SUPERLIGA ARGENTINA: LANÚS X RACING
ao vivo
HIPISMO: 8ª ETAPA LONGINES XTC
HIPISMO: 8ª ETAPA LONGINES XTC
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: BAYER LEVERKUSEN X SCHALKE
CAMPEONATO ALEMÃO: BAYER LEVERKUSEN X SCHALKE
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA DORTMUND X DÜSSELDORF
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA DORTMUND X DÜSSELDORF
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA MÖNCHENGLADBACH X BAYERN DE MUNIQUE
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA MÖNCHENGLADBACH X BAYERN DE MUNIQUE
ao vivo
BAIXE O APLICATIVO
FOX Sports

Nesta quarta-feira (17 de julho) o Flamengo foi eliminado nos pênaltis pelo Athletico-PR, no Maracanã, e disse adeus à disputa da Copa do Brasil 2019. Após a partida, o técnico rubro-negro Jorge Jesus elogiou a postura da sua equipe ao longo dos 90 minutos, mas lamentou o fato de a decisão ter ido para a marca da cal, com o Furacão levando a melhor.

Arsenal x Bayern, Manchester United x Internazionale e mais: a semana no FOX Sports

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

"Não é fácil, nas quartas de final, numa decisão por pênaltis. Nos 90 minutos a equipe do Flamengo foi melhor, foi a equipe que teve muitas mais oportunidades de gol”, começou falando o técnico português.

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Ainda de acordo com o Jesus, dois fatores acabaram atrapalhando o Flamengo na partida no Maracanã: a lesão precoce de De Arrascaeta, que deixou o campo ainda no primeiro tempo, e o fato de não poder ter contado com três dos batedores de pênaltis que vinha treinando durante a disputa das penalidades.

“É verdade que com a lesão do Arrascaerta - ele estava num excelente momento - é obvio que influencia na equipe porque ele também é um dos batedores de pênaltis, mas a equipe jogou muito bem. Jogou contra uma equipe muito agressiva, que no primeiro tempo marcou o Flamengo com muitas faltas táticas. Depois de fazer o 1 a 0, acreditei que a equipe estava mais perto do 2 a 0 do que do 1 a 1, sofremos um gol de uma bola direta. Nos pênaltis, há sorte ou azar. Nesse capítulo, dos três jogadores que tínhamos trabalhado durante esses 20 dias - eram o Bruno (Henrique), o Arrascaeta e o Rafinha, mais o Gabigol e o Everton (Ribeiro), tivemos que fazer algumas alterações, e o adversário foi melhor nos pênaltis, não durante o jogo. Não quer dizer que estamos satisfeitos com o jogo, mas foi competitivo, foi um bom jogo", completou.

O Flamengo agora volta a campo no próximo domingo (21), quando encara o Corinthians, em São Paulo, pela 11ª rodada do Brasileirão.

Leia também:

Santos promete notificar Barcelona por ‘assédio’ à joia

Wellington Nem é anunciado por clube da Série A

Neymar terá empresário que colocou Jesus no Fla para deixar PSG

Crédito da foto: Alexandre Vidal/ Flamengo 

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade