Diretoria do Manchester City coloca meta para reforços e descarta gastar milhões para Guardiola

Diretoria do Manchester City coloca meta para reforços e descarta gastar milhões para Guardiola

Mesmo com especulações envolvendo diversos jogadores, diretoria do clube limitou número de jogadores nesta janela

FOX Sports

O Manchester City não repetirá as últimas janelas de transferências recheadas de novos jogadores. Segundo o jornal Manchester Evening News, a diretoria do atual bicampeão inglês limitou o número de contratações da equipe para somente dois, mesmo com o clube tendo sido ligado a diversas disputas pela imprensa europeia. O motivo é que se considera desnecessário gastar milhões novamente, uma vez que o elenco já é recheado.

Barcelona e Real Madrid no basquete e mais: a semana do FOX Sports

Timaço de craques com R10, Recoba e cia. invade a tela do FOX Sports em torneio de lendas

Esse processo já foi visto na janela de verão do ano passado, quando somente contratou o atacante do Leicester Riyad Mahrez por 68 milhões de euros (cerca de R$ 300 milhões). Este valor, porém, foi quase inteiramente recuperado com as vendas de Brahim Diaz, Angus Gunn, Rabbi Matondo, Pablo Maffeo, Joe Hart e Bersant Celina.

Nomes como Bruno Fernandes, Rodri, João Félix e Tanguy Ndombele tem sido especulados no Manchester City. A forte concorrência pela contratação desses jogadores, porém, faz com que o clube fique atrás nas corridas por esses atletas. Harry Maguire é outro nome fortemente vinculado ao time de Guardiola, mas as cifras elevadas pedidas pelo Leicester também desagradam a diretoria.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

 

Vale lembrar que o City vem sofrendo com diversas investigações da UEFA por conta do Fair Play Financeiro e a possibilidade de eliminação da Champions League chegou a ser levantada. A infração cometida pelo clube teria sido por conta da apresentação de informações falsas sobre contratos de patrocínios.

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Crédito da foto: EFE

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade