Eriksen diz que quer deixar o Tottenham e sonha com o Real Seria um passo à frente

Eriksen diz que quer deixar o Tottenham e sonha com o Real: "Seria um passo à frente"

O meio-campista dinamarquês abriu o jogo durante uma entrevista

Gazeta Press

Há quase seis anos no Tottenham, Christian Eriksen está aberto a novas possibilidades nesta janela de transferências de verão do futebol europeu. Pelo menos é o que admitiu o próprio meio-campista, em entrevista ao jornal dinamarquês Ekstra Bladet. Segundo ele, este seria o momento ideal para uma mudança de ares.

Final do NBB, Nascar, MLB e mais: a semana do FOX Sports

“Sinto que estou em um momento da minha carreira em que gostaria de tentar algo novo”, disse o jogador de 27 anos de idade. “Ficar no Tottenham não seria algo ruim, tenho muito respeito pelo que está sendo feito aqui, mas gostaria de tentar algo novo. Espero que definir meu futuro neste verão. No futebol, você nunca sabe quando poderá decidir algo assim”, completou.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

 

Apesar da revelação, os rumores de saída do dinamarquês são antigos. Seu nome já foi ventilado em diversos clubes do velho continente, sobretudo no Real Madrid. Questionado a respeito de uma possível negociação com os merengues, o meia se mostrou honrado, embora desconheça a existência de qualquer tipo de contato.

'Não Pipoca': Sormani deixa Romário e Ronaldo de fora de top 5 'de respeito'

“Seria um passo à frente, mas, para isso, o Real Madrid deveria pegar o telefone e ligar para o Tottenham para dizer que me quer. Até onde eu sei, isso ainda não aconteceu”, afirmou, reforçando o respeito por um aval dos Spurs. “Tudo depende de Daniel Levy (presidente do Tottenham). Tem que haver outro clube. Se não, sentaremos e negociaremos um novo contrato. Não há muitos clubes melhores que o Tottenham”, completou.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Eriksen tem apenas mais um ano de contrato com o time londrino, pelo qual acaba de se tornar vice-campeão da Liga dos Campeões. O meio-campista encerrou a temporada com 10 gols e 17 assistências, nas 51 partidas que disputou com a equipe comandada por Maricio Pochettino.

Saiba mais:

Palmeiras faz sondagem por centroavante

Meia revela desejo de atuar pelo Real Madrid

Corinthians terá mais um desfalque de peso

Crédito da imagem: EFE

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade