Dedé se irrita com empate do Cruzeiro e critica VAR: "O cara me segurou"

Em entrevista após a partida, zagueiro da Raposa detonou a arbitragem com o empate em 1 a 1 diante do Fluminense

Gazeta Press

Cruzeiro e Fluminense ficaram no empate, por 1 a 1, em duelo disputado na noite desta quarta-feira, no Maracanã, em confronto válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O detalhe é que a Raposa estava vencendo até o finalzinho do jogo e sofreu o tento já nos acréscimos da etapa final.

Decisão na Bundesliga, final do NBB, Boxe e mais: tudo no FOX Sports

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

O zagueiro Dedé deixou o gramado do jogo bastante irritado. Ele participou ativamente do lance que o Cruzeiro sofreu o gol de empate e questionou o uso do VAR. O atleta acusa de ter sido segurado no momento que tentou tirar a bola da área.

'Não Pipoca’: Sormani deixa Romário e Ronaldo de fora de Top 5 ‘de respeito’; veja!

Gringos elegem top 5 de clubes brasileiros mais importantes; veja ranking final

“Na minha concepção, o cara me segurou e impediu minha projeção para atacar a bola. Eu não entendo o porquê do VAR. Essa é o tipo da bola que eu disputo e eu não consegui chegar”, ressaltou Dedé, ao Sportv.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Clique e assine o APP do FOX Sports

Além de Dedé, o restante do grupo cruzeirense deixou o gramado do Maracanã com a cabeça quente. Com isso, vários atletas deixaram o campo sem entrevistas, todos lamentando com cabeças baixas o gol sofrido. O meia Robinho considerou o empate uma derrota.

“Se for ver o Campeonato, a Copa do Brasil, o resultado é bom. Mas é derrota. Ganhando até o último lance, então isso é derrota”, finalizou.

Saiba mais:

Palmeiras pode ter ótima notícia

Atlético de Madrid contratar ex-Timão

Milan veta destaque do Brasileirão

Crédito da imagem: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade