Rafinha revela 'ameaça' do Schalke e propostas de Liverpool e Milan antes de acerto com o Bayern

Em entrevista a Benjamin Back, no Aqui Com Benja!, o brasileiro lembrou do período em que deixou os Azuis Reais rumo ao Genoa-ITA, logo na sequência indo para os Bávaros

FOX Sports

Se nos últimos oito anos o lateral-esquerdo Rafinha conquistou quase 20 títulos com a camisa do Bayern de Munique, muito se passou antes de o brasileiro se firmar como um dos principais nomes do atual hexacampeão da Bundesliga. Entrevistado do Aqui Com Benja! deste fim de semana, o camisa 13 dos bávaros contou que a mudança de ares para o clube alemão não foi nada fácil.

Bundesliga, Nascar e muito mais: o domingo no FOX Sports

Revelado pelo Coritiba, Rafinha foi ainda muito jovem para a Alemanha, primeiramente para o Schalke 04. No clube de Gelsenkirchen, passou cinco temporadas e por lá se firmou como um dos principais nomes. Entre os sonhos do brasileiro, a vontade de poder vestir a camisa do Bayern de Munique. Porém, quando restavam apenas seis meses para o fim do seu contrato com os Azuis Reais, os dirigentes da equipe o ameaçaram, negando a ele uma possível transferência para os bávaros.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

"Faltando seis meses para acabar o meu contrato, os caras do Schalke 04 falaram: 'Você vai para todo o time que você quiser, menos para o Bayern de Munique. Se você sonhar em assinar um contrato com o Bayern de Munique, nós vamos ferrar a sua carreira'. Desse jeito. Tinha um treinador lá que se chamava Felix Magath, ele não falou com essas palavras, falou pior. Você vai jogar em todo lugar, menos lá, isso eu te garanto, vou te atrapalhar. Por um lado, eu sabia que ele defendia o clube, era o meu treinador, eu era um dos principais jogadores do time. Eu entendi o lado dele, mas para um menino, eu tinha 24 anos, foi muito forte. Daí eu conversei com o meu empresário, tinha um bando de time me querendo, graças a Deus eram boas oportunidades, mas eu queria jogar no Bayern", afirmou Rafinha.

‘Não Pipoca’: Sormani deixa Romário e Ronaldo de fora de Top 5 ‘de respeito’; veja!

Gringos elegem top 5 de clubes brasileiros mais importantes; veja ranking final

Assim que o seu contrato se encerrou, Rafinha revelou ter recebido propostas de gigantes do futebol europeu, a exemplo de Milan e Liverpool, mas o sonho do brasileiro ainda continuava sendo atuar pelo Bayern de Munique.

Clique e assine o APP do FOX Sports

"Tive proposta do Liverpool, Milan. Na ocasião até falei com o Leonardo, ele me ligou, estava como treinador no Milan. Tinha muito time bom me querendo, mas eu queria ir para o Bayern", prosseguiu.

O destino de Rafinha acabou sendo o Genoa, que o contratou junto ao Schalke 04, porém, com um contrato curto. O que o brasileiro não sabia, porém, é que os italianos o compraram já pensando numa futura venda para o próprio Bayern, em acordo que já havia sido costurado entre as duas equipes.

"Naquela época, o presidente do Genoa já me falou: 'Rafinha, você não é jogador para o Genoa, você vai ficar aqui um ano e seis meses. Não vamos te segurar aqui, não vamos fazer nada. Pode ficar tranquilo'. Fui para o Genoa, joguei até dezembro. O presidente chegou para mim e disse: 'Você está vendido'. Vendido para onde? Para o Bayern. Ele já me comprou do Schalke já com negócio engatilhado com o Bayern. Com seis meses ele me vendeu por 12 milhões de euros (R$ 52,9 milhões na cotação atual). Venderam eu, Luca Toni, Miguel Veloso, Eduardo, o goleiro, Criscito”, completou.

Saiba mais:

Fla ou Europa? Rafinha abre o jogo!

Bruno Henrique responde Guerrero

Ex-SP e Flu pensa em voltar ao Brasil

Crédito da imagem: reprodução/ Instagram/ @R_13Official) 

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade