Técnico do Botafogo sai em defesa de nome criticado pela torcida: "Merece respeito"

Eduardo Barroca rasgou elogios à atuação de Gilson, que atuou como titular na vitória por 3 a 2 sobre o Bahia

Gazeta Press

Quando Jonathan sofreu uma entorse no joelho direito na derrota de 2 a 0 para o São Paulo, o torcedor do Botafogo ficou nervoso. O técnico Eduardo Barroca, por sua vez, ficou preocupado. Afinal de contas, o substituto imediato era Gilson, um dos mais contestados jogadores do plantel botafoguense. Apesar disso, o treinador resolveu apostar no desempenho do atleta para o confronto com o Bahia na noite de quinta-feira, no Estádio Nilton Santos.

Bundesliga, playoff do NBB, Nascar e muito mais: só no FOX Sports

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

A escolha não foi fácil. E olha que Barroca solicitou o retorno de Victor Lindenberg, de volta ao clube após empréstimo para o Santa Cruz-RN, é possível que este corra por fora. O jogador trabalhou com o treinador em 2016, na conquista do Campeonato Brasileiro Sub-20 pelo Glorioso.

Mas em campo Gilson retribuiu a confiança. Teve uma atuação elogiável no aspecto defensivo e apoiou bastante, inclusive participando do lance que originou o segundo gol do Botafogo na vitória de 3 a 2 sobre os baianos. Ele foi ao fundo e cruzou no lance que terminou com o arremate certeiro de João Paulo.

‘Não Pipoca’: Sormani deixa Romário e Ronaldo de fora de Top 5 ‘de respeito’; veja!

Gringos elegem top 5 de clubes brasileiros mais importantes; veja ranking final

“O Gilson é muito trabalhador e merecedor do desempenho que mostrou contra o Bahia. Fiquei muito feliz com a atuação dele. A torcida aplaudiu ele pois reconheceu seu desempenho. Mostrou que não pega no pé do jogador. É um jogador que tem o respeito de todos, participou do gol do João Paulo e foi importante para a vitória”, disse Barroca.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Clique e assine o APP do FOX Sports

Como a sexta-feira foi de trabalho regenerativo, apenas neste sábado Barroca vai saber se Jonathan ficará à disposição para o duelo de domingo, às 16h (de Brasília), contra o Fortaleza, novamente no Estádio Nilton Santos, pela terceira rodada do Brasileirão. Se ele for vetado mais uma vez, Gilson segue no time. Após o treino deste sábado começa o período de concentração para a partida.

Leia também:

Mbappé é suspenso e Neymar investigado por Federação

Pikachu agride torcedor do Vasco em chegada a Manaus

Adriano vê pressão “exagerada” sobre Fla na Libertadores

(Crédito da imagem: Vitor Silva/Botafogo/SSPress)

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade