Abel fala qual escalação deve usar nas próximas partidas do Flamengo contra São Paulo e Peñarol

Em coletiva após a derrota para o Internacional, treinador também comentou segundo gol sofrido na partida: "Não podemos tomar"

FOX Sports

Na tarde desta quarta-feira (1° de maio), o Flamengo foi derrotado por 2 a 1 no Beira-Rio para o Internacional e, após a partida, o técnico Abel Braga falou sobre as próximas duas partidas contra São Paulo e Peñarol. O comandante rubro-negro disse que utilizará duas escalações diferentes na partida e ainda comentou o segundo gol sofrido pela sua equipe na partida. Segundo ele, o gol foi simples e o time deve ser mais malandro.

Semifinais da Europa League exclusivo, Bundesliga, playoff do NBB: só no FOX Sports

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“O empate é bom, mas nós não temos que entrar em campo pensando no empate. Não pode pensar assim. Se não, fatalmente, a coisa complica. Tanto que não vai haver mudança de entrar mais volante ou entrar mais marcador. A gente tem que saber que o Peñarol vai ter uma postura diferente da que ele teve no Rio de Janeiro. Lá, ele tirou um atacante, colocou mais um volante. Teve sucesso na estratégia, porque a gente teve o Gabriel expulso e tivemos uma perda de bola desnecessária. Com o empate, nós já estaríamos classificados com três pontos na frente deles. E aquela derrota nos colocou com nove pontos junto com eles. Então, tem algumas coisas que a gente tem que ser mais malandro, sabe? ”, disse ele.

“Hoje, se você for analisar depois do nosso gol de empate, nós merecíamos esse gol pelo segundo tempo, como também o Inter merecia até ter feito mais no primeiro, que foi muito superior. Mas, tem hora que você tem que trazer o adversário um pouco mais perto de você, para você contra-atacar. Então, eu estou jogando fora de casa, empatando em 1 a 1, jogando bem naquele momento, e toma um gol de contra-ataque. Muito simples”, falou.

'Não Pipoca': Benja elege cinco maiores que viu com três brasileiros e dois gringos

Gringos elegem top 5 de clubes brasileiros mais importantes; veja ranking final

“Ele (repórter) falou dos gols simples, nós não podemos tomar gol simples assim. Mas lá é outra história. É toda hora difícil. Você vira a chave, era a Libertadores, agora. Brasileiro. Vai ser uma equipe completamente diferente contra o São Paulo. Hoje, no segundo tempo, as substituições foram por questões mais físicas, do que técnicas. Porque o segundo tempo foi muito bom. Domingo, uma outra equipe. Vamos procurar jogar de igual para igual. Aí sim, depois vamos pensar em quarta-feira”, completou.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Clique e assine o APP do FOX Sports

Leia também:

A ‘brecha’ que pode ajudar Fla a avançar por F. Luís

Corinthians quer oficializar reforço até o fim de semana

Brasileiro é desejo do Chelsea para a próxima temporada

(Créidto da imagem: Alexandre Vidal/Flamengo)

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade