Vagner Love se declara ao Corinthians e deseja se aposentar no clube: "Quero muito"

Herói da conquista do tricampeonato do Paulistão, Artilheiro do Amor afirmou que pretende ficar mais tempo no Parque São Jorge e pendurar as chuteiras por lá

Gazeta Press

Após marcar o gol que rendeu o tricampeonato paulista ao Corinthians, Vagner Love estava só sorrisos na tarde desta segunda-feira. Descontraído ao ser abordado pelos vários jornalistas presentes no CT Joaquim Grava, o atacante decisivo revelou que já pensa em se aposentar no clube e até brincou com o presidente Andrés Sanchez sobre a renovação do contrato, que termina no final de 2020.

Gringos elegem top 5 de clubes brasileiros mais importantes; veja ranking final de 50 torcedores

Grêmio e Atlético-MG exclusivos, Bundesliga e mais: a semana no FOX Sports

“Eu tenho contrato até o final do ano que vem. Se o presidente quiser já renovar agora, a gente está aí, né?! (risos) Ó eu jogando a isca, vai que ele morde (risos). O presidente Andrés Sanchez, se quiser renovar, estou aí para renovar mais um ano, dois, três… Se puder encerrar a carreira no Corinthians, eu quero muito”, disse.

Em 70 partidas pelo Corinthians, Love tem uma média altíssima de gols de títulos. Além do tento que culminou na vitória do Corinthians sobre o São Paulo no último domingo, o jogador já havia marcado no empate contra o Vasco em 2015, na partida que assegurou o título nacional, ainda na sua primeira passagem pelo clube do Parque São Jorge.

'Não Pipoca': Benja elege cinco maiores que viu com três brasileiros e dois gringos

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Predestinado, privilegiado, abençoado. Muito orgulhoso de participar desse grupo, ter voltado ao Corinthians e conquistar mais um título. Agradeço a Deus por ele ter me dado esse dom de jogar futebol e poder ser decisivo fazendo um gol numa final de campeonato”, analisou.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Clique e assine o APP do FOX Sports

Apesar da sensação de um fazer um gol decisivo não ser nova, Love relatou o entusiamo no momento em que a bola estufou as redes da Arena. “Não sabia para onde ir. Se corria, se parava, se chorava, se pulava, se beijava a aliança para dar moral para a nega. Fiquei desnorteado. Nem sei de que forma eu comemorei naquele momento. Depois todo mundo me abraçando é que vem ‘poxa, fiz o gol que está fazendo a gente conquistar o título, e meus amigos que convivem no meu dia a dia estavam todos me abraçando’. Fiquei muito feliz por isso”, disse o atacante do amor.

Saiba mais:

Rodrigo Caio rebate torcedor do São Paulo

Júnior Urso de volta? Volante abre o jogo

Palmeiras tem prazo para volta de Willian

Crédito da imagem: Reuters

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade