Jardine indica Hernanes mais uma vez titular contra o Talleres pela Conmebol Libertadores

Jardine indica Hernanes mais uma vez titular contra o Talleres, pela Conmebol Libertadores

Assim como contra o São Bento, neste domingo (3), pelo Paulistão, o meio-campista deverá integrar o onze inicial contra os argentinos

Gazeta Press

Em entrevista coletiva, o técnico André Jardine elogiou a atuação do São Paulo na vitória por 1 a 0 sobre o São Bento, na tarde deste domingo (3 de fevereiro), no Pacaembu, pela quinta rodada do Paulistão.

De olho no jogo de ida da segunda fase da Segunda Fase da Libertadores, contra o Talleres, na próxima quarta-feira, na Argentina, o treinador mandou uma equipe reserva a campo. Em busca de ritmo de jogo, Hernanes foi titular e marcou um belo gol aos 15 minutos do segundo tempo, em chute de fora da área.

Estreia do Atlético-MG na Libertadores e mais: veja a programação do FOX Sports

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Uma partida que a gente sabia que seria difícil pela situação do São Paulo, precisando pontuar no campeonato, se defendeu com unhas e dentes. A gente com uma equipe ainda sem entrosamento, com vários jogadores estreando em jogos oficiais”, avaliou Jardine, que prosseguiu.

“Acredito que o desempenho foi bastante satisfatório, culminando com uma grande jogada do Hernanes. O gol premia todo o trabalho e a dedicação que ele vem tendo para voltar. Conseguimos as duas maiores metas, que era vencer o jogo e dar os minutos para o Hernanes chegar mais próximo do ideal dele”, acrescentou.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

Clique aqui e baixe FOX Sports APP

André Jardine também indicou que Hernanes será titular no embate com o Talleres, na quarta-feira (6), às 21h30 de Brasília, em Córdoba. Neste domingo, o Profeta atuou durante 75 minutos, 45 a mais em relação ao jogo contra o Guarani, na última quinta (31).

“Possivelmente o Hernanes deva começar o jogo. Vamos ver como ele está amanhã (segunda-feira). Se tiver bem, a gente encerra essa etapa de cuidados especiais”, afirmou o técnico.

“O jogo era importante provar a força do grupo. Um time grande quando perde duas seguidas se cobra muito e precisava dar uma resposta hoje. O mais positivo foi o nosso poder de indignação para virar a página e entrar num novo momento”, encerrou.

Leia também:

Vasco provoca Fluminense após vitória no clássico

Deyverson se desculpa com Palmeiras, torcida e Richard

Avelar cutuca Palmeiras por elenco rico: '11 contra 11'

Crédito foto: Marco Galvão/ Fotoarena 

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade