Tite, Renato Gaúcho e Tiago Nunes ficam empatados em premiação de melhor técnico

Tite, Renato Gaúcho e Tiago Nunes ficam empatados em premiação de melhor técnico

O grande vencedor foi Marcelo Gallardo, campeão da Libertadores com o River Plate

Gazeta Press

Nesta segunda-feira (31 de dezembro), o jornal uruguaio El Pais divulgou os vencedores do tradicional prêmio de melhores atletas, com o argentino Pity Martínez ganhando como melhor jogador e os brasileiros Dudu e Pedro Geromel entrando na lista da seleção ideal da América do Sul. Apesar dos jogadores serem os destaques, os treinadores foram lembrados e três brasileiros ficaram empatados na quarta posição, com dois votos cada: Tite, da Seleção Brasileira, Renato Gaúcho, do Grêmio e Tiago Nunes, do Athletico-Pr.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Curiosamente, os três treinadores nacionais terminaram o ano em situações bem diferentes. O técnico da Seleção Brasileira finaliza 2018 com o ar de desconfiança do torcedor por causa do desempenho abaixo do esperado na Copa do Mundo, o comandante gaúcho termina em alta porém com a eliminação na Libertadores ainda “engasgada”, enquanto que Tiago Nunes teve seus melhores meses profissionais ao fazer um excelente trabalho com o Athletico-Pr, que culminou com o inédito título da Copa Sul-Americana.

Se inscreva no canal do FOX Sports Brasil no YouTube

O grande vencedor foi Marcelo Gallardo, treinador do River Plate na conquista do time argentino na Conmebol Libertadores deste ano. O treinador de 42 anos recebeu 87% dos votos e confirmou mais uma vez seu nome como um dos grandes treinadores da América do Sul nas últimas temporadas.

FOX amplia as possibilidades de contratação do FOX Sports

Já a segunda colocação ficou com um técnico bastante conhecido do torcedor palmeirense. Com 16 votos (5%), Ricardo Gareca, que comandou o Palmeiras em 2014, mostrou um bom e marcante trabalho comandando a seleção do Peru, levando a equipe sul-americana para uma Copa do Mundo após 36 anos de ausência (a última vez dos peruanos tinha sido em 1982).

Saiba mais:

Gabigol cada vez mais perto do Fla

Capitão do Boca na mira de brasileiros

Grêmio quer destaque do Botafogo

Crédito da imagem: Pedro Martins/MoWa Press

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!