Fernando Prass admite torcer pelo Vasco contra o Ceara e cita dificuldade a mais que time tera

Fernando Prass admite torcer pelo Vasco contra o Ceará e cita 'dificuldade a mais' que time terá

Em entrevista à Rádio Tupi, o arqueiro, hoje do Palmeiras, afirmou que o fato de os donos da casa ainda brigarem por vaga na Conmebol Sul-Americana 2019 pode trazer aumentar a pressão para o Cruzmaltino

FOX Sports

Entre os símbolos do Vasco nas conquistas da Série B, em 2009, e da Copa do Brasil, dois anos mais tarde, o goleiro Fernando Prass já veste há algum tempo a camisa do Palmeiras, mas ainda assim mantém relações estreitas com o antigo clube. Relacionado para a partida deste domingo (2 de dezembro), contra o Vitória, pela 38ª rodada do Brasileirão, o arqueiro afirmou que torcerá pela permanência dos cariocas na Primeira Divisão, no compromisso decisivo contra o Ceará, no Castelão.

Boca e River em campo pela Superliga Argentina e mais: o fim de semana no FOX Sports

Em entrevista à Rádio Tupi, o experiente jogador de 40 anos afirmou que acredita que um empate contra a equipe cearense já garante o Cruzmaltino na elite para o próximo ano, apesar da situação, que classificou como ‘tensa’ que vive a equipe.

“Tenho acompanhado, óbvio, porque já fui do Vasco e tenho amigos ainda. Um empate acho que é o suficiente. Óbvio que ir para a última rodada dependendo de resultados ainda é...passei por essa situação no Palmeiras em 2014 e é muito tensa. O Vasco está passando por isso de novo. Torço e confio que o Vasco fique na Primeira Divisão”, afirmou.]

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Apesar de já estar livre da degola, uma vez que tem 43 pontos somados, o Ceará ainda luta por uma vaga na Conmebol Sul-Americana do próximo ano, o que traz uma importância especial para o embate contra o Vasco. Entretanto, para Prass, os cariocas têm um bom time para se garantirem.

“Essa situação da Sul-Americana conta muito porque não é um time que está acostumado a jogar competições internacionais e isso conta muito...Na minha opinião, é uma dificuldade a mais. Mas o Vasco tem um bom time. Óbvio que tem muitas coisas fora do campo que há muito tempo estão atrapalhando, e isso acaba refletindo no desempenho da equipe, sem dúvida nenhuma”, completou.

Crédito Foto: divulgação/ S.E. Palmeiras 

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!