Libertadores: FIFA se pronuncia sobre final na Espanha e fala em circunstâncias especiais

Libertadores: FIFA se pronuncia sobre final na Espanha e fala em "circunstâncias especiais"

A entidade decidiu autorizar que a partida seja realizada em um país que não esteja filiado à Conmebol por conta dos episódios violentos que causaram o adiamento da decisão

EFE

Taça Libertadores da América entre River Plate e Boca Juniors, que terá transmissão ao vivo dos canais FOX Sports. Por isso, decidiu autorizar que o duelo seja disputado no próximo dia 9 em Madri, na Espanha, dentro do território de uma associação nacional que não é membro da Conmebol.

Bayern, Borussia, final da Copa Paulista e mais: o fim de semana no FOX Sports

"De acordo com o artigo 71 (parágrafo 4) do Estatuto da FIFA, e levando em conta as circunstâncias especiais do caso, o Bureau do Conselho da FIFA autorizou a realização da partida de volta da final da Taça Libertadores no estádio Santiago Bernabéu em Madri", detalhou um porta-voz da entidade à Agência Efe.

A decisão foi tomada "depois que o jogo previsto para 24 de novembro teve que ser suspenso devido a razões de natureza não esportiva e que a Conmebol tomou a decisão de que o jogo deveria ser disputado em território neutro".

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

"Depois de analisar várias opções, a Conmebol decidiu de maneira excepcional que a partida seja realizada no território de uma associação nacional que não é membro da Conmebol, em território da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF)".

Posteriormente, "levando em conta essas circunstâncias, a UEFA e a RFEF autorizaram com base nessa situação excepcional que o jogo seja disputado no Santiago Bernabéu, em Madri", afirmou a fonte da Fifa. Gianni Infantino, presidente da instituição, deve oferecer uma entrevista coletiva neste sábado (1 de dezembro), em Buenos Aires, onde se encontra por ocasião da reunião do G20.

Crédito Foto: EFE

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!