Mbappé rebate acusação feita pela imprensa francesa

Mbappé rebate acusação feita pela imprensa francesa

O jovem atacante se revoltou com notícias vazadas pelo Football Leks

EFE

A jovem estrela do Paris Saint-Germain Kylian Mbappé garantiu que é ele quem arca com os próprios impostos, e não o clube da capital francesa, como foi especulado pela imprensa local nos últimos dias.

FOX amplia as possibilidades de contratação do FOX Sports

"Quero esclarecer que pago todos os meus impostos na França, por toda a minha renda", declarou o atacante em entrevista publicada nesta sexta-feira pela emissora de televisão "France Info", como resposta a informações vazadas pelo site "Football Leaks" dando conta de que uma das exigências do atleta de 19 anos para assinar com o PSG foi ficar livre dos encargos.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

O melhor jogador jovem da última Copa do Mundo afirmou categoricamente que é "totalmente falso" que tenha exigido que o clube de Paris o pagasse 10 milhões de euros para abonar impostos.

"Para mim, o importante era ver em que clube podia dar o melhor e continuar a minha progressão. Escolhi o Paris Saint-Germain de forma natural", salientou.

Final da Libertadores, Dortmund x Bayern e Copa Paulista: tudo no FOX Sports

Mbappé, que até o meio do ano passado defendia o Monaco, foi contratado pelo PSG através de uma operação que incluiu um empréstimo de um ano por 35 milhões de euros e depois o pagamento de 145 milhões de euros para a aquisição dos direitos federativos de maneira definitiva.

Em um primeiro momento, pensou-se que o escalonamento do pagamento tinha como intuito seguir as regras do Fair Play Financeiro, pois o PSG já havia pagado 222 milhões de euros ao Barcelona por Neymar. No entanto, segundo o "Football Leaks", na realidade a ideia foi evitar o pagamento de um imposto na França.

Mbappé também foi perguntado por outra informação vazada pela mesma plataforma de que o Paris Saint-Germain adotava critérios étnicos para contratar atletas para sua base, mas se esquivou e preferiu não responder para, segundo ele, "não dizer tolices" sobre um assunto do qual não estava a par.

Crédito da foto: Reuters

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!