Após 2018 recheado de lesões, Jean revela que pensou em se aposentar

Após 2018 recheado de lesões, Jean revela que pensou em se aposentar

Lateral e meio-campista do Palmeiras disse que passou pelo momento mais difícil da sua carreira e pensou em parar de jogar

Gazeta Press

Jean fez sua estreia nesta temporada apenas no dia 6 de junho, em virtude de uma cirurgia rara no joelho direito, que demandou um longo tempo de recuperação. Tendo passado pela fase mais difícil de sua carreira, o atleta se diz eternamente grato ao Palmeiras pelo apoio prestado durante o período em que cogitou até mesmo a aposentadoria.

“Só tenho que agradecer pela confiança do Felipão, da comissão técnica, do Palmeiras. Pelo que o Palmeiras fez por mim, vou ser eternamente grato. No momento mais difícil da minha carreira, esse clube me abraçou”, afirmou o atleta, antes de abordar o período que esteve lesionado.

FOX amplia as possibilidades de contratação do FOX Sports

“No momento que me passaram que era algo grave, cheguei para a minha esposa e falei: ‘Amor, vamos começar a preparar nosso futuro, a nos organizar, porque vai ser bem complicado de voltar’. Mas hoje me sinto bem melhor do que muitos momentos antes. Tenho muito a agradecer pelo clube, é uma cirurgia muito complicada, não foi fácil, mas estou fisicamente e mentalmente cada vez melhor”, completou.

Semi da Sul-Americana, final da Libertadores, Chelsea, Arsenal, Milan e mais: tudo no FOX Sports

Em 2016, na campanha do título brasileiro, Jean fez 53 partidas pelo Verdão. Na temporada seguinte, foram 41 jogos, enquanto neste ano o atleta já disputou 23 duelos. Mesmo sem igualar as marcas anteriores, o atleta celebra o número diante das dificuldades ao longo de 2018.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Neste ano tinha uma meta de 35 a 40 jogos. Estive pronto para jogar em 40 jogos, joguei e participei de (mais de) 20. Devido a essa cirurgia, que é inédita no Brasil, realmente é muito difícil para mim. Foi um ano difícil. Não sei se é erro ou acerto, mas só saio de campo se não aguentar mais”.

Bayer Leverkusen, Sevilla, Villarreal! Veja 19 jogos exclusivos da Europa League no APP FOX Sports

“Mas conquistamos isso junto com a fisioterapia, com o Palmeiras, que é uma referência em recuperar atleta. Imagine voltar de uma cirurgia muito complexa e conseguir estar à disposição do treinador, sem conseguir fazer pré-temporada completa. Realmente é uma vitória. E brigando por mais um título, é algo que realmente marcou minha carreira. Com certeza, vou ficar mais forte depois de tudo que isso passei”, finalizou.

Saiba mais:

Bueno: Flamengo está perto de Léo Moura

PSG se cansa de estrela: 'Vá para o Barça'

Vasco rescinde com meia que nem atuou

Crédito: Cesar Greco/ Fotoarena

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!