Goleiro do Atlético-PR detona arbitragem por pênalti e vê Inter ajudado: Estaria fora da briga

Goleiro do Atlético-PR detona arbitragem por pênalti e vê Inter ajudado: "Estaria fora da briga"

Segundo Felipe Alves, gol da vitória do Colorado por 2 a 1 surgiu de um lance que não teve falta. Diferença do Palmeiras para os gaúchos é de cinco pontos

FOX Sports

Neste domingo (4 de novembro), Felipe Alves, goleiro do Atlético-PR, esbravejou ao final da partida da equipe contra o Internacional, no Beira-Rio. Já nos acréscimos do segundo tempo, quando o placar do jogo era de 1 a 1, o árbitro Rodrigo D’Alonso assinalou penalidade máxima duvidosa para os donos da casa, após Márcio Azevedo se enroscar com Rossi dentro da área.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Depois do jogo, o arqueiro, em entrevista ao SporTV, foi contundente em sua reclamação do pênalti marcado e afirmou que o juiz do embate foi o responsável por manter o Colorado na briga pelo título da Série A do Campeonato Brasileiro.

“Não tinha nem que perguntar isso, não foi pênalti. No meu ponto de vista, se o árbitro não faz o que fez, o Inter estaria fora de briga pelo título contra o Palmeiras. Ele nos prejudicou. Fizemos um ótimo jogo fora de casa, contra uma baita equipe que teve o apoio do torcedor por 90 minutos”, disparou.

Com o resultado, o Internacional alcançou a marca dos 61 pontos na competição nacional, ficando cinco atrás do Palmeiras, com seis rodadas ainda a serem disputadas. O Colorado agora é o vice-líder da disputa, enquanto o Atlético-PR estacionou nos 43 pontos, caindo para o nono lugar da tabela de classificação.

Saiba mais:

Fla, São Paulo e mais 2 querem Gabigol

Felipe Melo no Boca? Volante abre o jogo

Vinicius Júnior salva o Real Madrid; veja

Crédito Foto: Miguel Locatelli/Atlético-PR

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!