Guardiola abre o jogo após rumor de proposta de RS 3,1 bilhões do City por Messi

Guardiola abre o jogo após rumor de proposta de R$ 3,1 bilhões do City por Messi

Jornal espanhol El Mundo revelou que os Citizens montaram uma operação financeira que chegou a nada menos do que 755 milhões de euros, entre propostas e mais impostos

FOX Sports

A notícia de que o Manchester City montou uma 'operação fantástica' para contratar Lionel Messi em 2017 caiu como uma bomba em Barcelona. A informação, que teve origem na imprensa espanhola, dava conta de que os ingleses trabalhavam em uma engenharia financeira que chegaria a nada menos do que R$ 3,1 bilhões (755 milhões de euros) para um contrato de cinco temporadas. Questionado por jornalistas neste sábado, Pep Guardiola disse desconhecer tal negociação.

“Disse isso muitas vezes. Muitas. Quando fui para o Bayern e agora em Manchester, nunca, nunca na minha vida falei ou tentei a contratação de Messi. Eu nunca dei o primeiro passo nesse sentido, sei o quão importante ele é para o Barcelona”, disse o treinador em entrevista a jornalistas.

Bundesliga e Superliga Argentina: o fim de semana do FOX Sports

Apontado como um sonho antigo de Ferran Soriano, diretor executivo do Manchester City, Lionel Messi foi alvo de uma proposta astronômica do clube inglês em 2017. Em sua edição da última sexta-feira, o jornal espanhol El Mundo revelou que os Citizens montaram uma operação financeira que chegou a nada menos do que R$ 3,1 bilhões (755 milhões de euros), entre propostas e mais impostos, para tentar convencer o argentino a trocar de clube, mas viu a sondagem cair por terra.

Segundo publicação, o Manchester City ofereceu R$ 1 bilhão (250 milhões de euros) em salários para um contrato de cinco temporadas na Premier League, além de mais R$ 211 milhões (50 milhões de euros) como luvas ao pai do jogador, que trabalha como empresário do argentino. Além disso, o gigante inglês estaria disposto a bancar o valor de mais R$ 1 bilhão (250 milhões de euros) referente à multa rescisória que o contrato de Messi com o Barcelona estipulava.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Ainda de acordo com a publicação, a negociação com Jorge Messi, pai do craque, se deu entre dezembro de 2016 e novembro de 2017, em meio ao auge da crise política na Catalunha, que promovia referendo para a separação da Espanha. Após as longas idas e vindas, Lionel Messi optou por renovar seu contrato com o Barcelona, e agora tem multa rescisória na casa dos R$ 2,9 bilhões (700 milhões de euros).

Saiba mais:

Diego Alves abre o jogo sobre polêmica

Astro do futebol teve doping 'abafado'

Barcelona pode fazer troca de brasileiros

(Crédito da imagem: Agência EFE)

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!