Bandeira responde reclamações do Palmeiras sobre favorecimento: “Ridículo”

O presidente do Flamengo listou lances que o Rubro-Negro teria sido prejudicado pela arbitragem nos últimos anos

FOX Sports

Depois de Alexandre Mattos e Luiz Felipe Scolari reclamarem da arbitragem, que deu cartões amarelos para três jogadores do Palmeiras que estavam pendurados e não poderão enfrentar o Flamengo, o time carioca respondeu. Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Rubro-Negro, se mostrou bastante irritado com os comentários, em declarações divulgadas pelo site Globoesporte.

El Clásico Barcelona x Real Madrid no dia 28; saiba como assistir ao vivo

“Depois de 2016, falar que o Flamengo está sendo beneficiado é ridículo. A única listinha que eu tenho é essa: em 2015 fomos prejudicados na Arena naquele jogo que não deram dois pênaltis, um no Pará e outro no Guerrero. Em 2016 o Marcio Araújo foi expulso no primeiro tempo injustamente por esse mesmo juiz que apitou hoje o jogo do Palmeiras. Em 2017, na Ilha, os dois gols do Palmeiras foram irregulares. Ele anulou gol legítimo do Guerrero. Era para ter sido 4 a 0 Flamengo”, disse o mandatário, que seguiu:

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“Lance absurdo do Felipe Melo (no primeiro turno do atual Brasileirão), era para ter saído de camburão. O jogo acabou com três minutos por jogar ainda. Se existe alguma lista é essa. O Flamengo foi sistematicamente prejudicado pela arbitragem nesse campeonato. Contra Chapecoense, Vitória, Palmeiras, Ceará. Até em jogos que ganhamos, do Cruzeiro, do Atlético-MG. Peço até que alguém me traga lances em que fomos beneficiados. Acho ridículo que se venha a falar em qualquer tipo de favorecimento ao Flamengo”, completou.

Crédito da foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade