Palmeiras reclama na CBF de arbitragem da semifinal da Copa do Brasil

Palmeiras reclama na CBF de arbitragem da semifinal da Copa do Brasil

Procedimento é considerado padrão, mas ofício enviado contém compilado de imagens em que o clube entende ter sido prejudicado

Gazeta Press

A derrota do Palmeiras para o Cruzeiro na primeira partida da semifinal da Copa do Brasil promete seguir sendo assunto no clube nos próximos dias. Inconformado com a arbitragem de Wagner Reway no duelo, o Verdão enviará à CBF (Confederação Brasileira de Futebol) um relatório com todos os erros que julga ter acontecido no confronto.

O procedimento é padrão entre os clubes brasileiros. No ofício enviado à entidade máxima do futebol nacional, o clube compila imagens e análises dos lances que entende ter sido prejudicado. O principal deles neste caso, influenciou diretamente no resultado final e nas probabilidades de classificação do Maior Campeão do Brasil.

Veja os jogos da La Liga no FOX Premium

No minuto final dos sete acrescidos por Wagner Reway, Edu Dracena disputou lance pelo alto com o goleiro Fabio e a bola sobrou para Antônio Carlos, que dominou e mandou para as redes. Antes da conclusão do defensor, porém, o árbitro parou a jogada anotando falta de Dracena no goleiro celeste. Por conta da infração marcada, o VAR não pôde interferir na jogada.

O Palmeiras é um dos clubes que defendeu a implementação do VAR, inclusive, no Campeonato Brasileiro. No entender do clube, houve um erro de procedimento de Wagner Reway, que deveria ter deixado o lance seguir para, somente depois, tirar suas conclusões do lance com o auxílio do VAR.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“O Sérgio Corrêa (chefe da arbitragem) esteve no vestiário. Falou para mim: ‘Alexandre, avisa os seus jogadores que lance capital é para seguir até o fim e depois vamos ver o que aconteceu. Não é para parar’. ‘Não parem, sigam até o fim e vamos ver o que aconteceu’. Aí o árbitro parou o lance de maneira precipitada, contrariando a própria recomendação”, afirmou Alexandre Mattos na zona mista após o jogo.

Depois da derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro, o Verdão precisa ganhar por um gol de diferença para levar a decisão da semifinal aos pênaltis. O gol fora de casa não é critério de desempate. A partida de volta será no dia 26 de setembro, no Mineirão.

Saiba mais:

Fla procura substiuto para Paquetá

"Ronaldo foi melhor que CR7"

Barcelona monitora estrela de rival

Crédito da foto: Ricardo Moreira/Fotoarena

Link copiado para a área de transferência!