Maicon revela quais atletas do Inter pediram arrego e dispara provocações

Maicon revela quais atletas do Inter 'pediram arrego' e provoca jogador: "Muito fraquinho"

Em entrevista coletiva nesta terça-feira (11 de setembro), meio-campista do Grêmio soltou a corneta em cima de D'Alessandro e Rodrigo Dourado

FOX Sports

Mesmo sem jogar, Maicon foi um personagem do último GreNal, no domingo (9 de setembro), no Beira-Rio. Logo após a vitória do Colorado por 1 a 0, muita confusão no túnel que dá acesso aos vestiários. O motivo foi uma confusão entre os atletas por um pedido do lado vermelho revelado pelo volante.

Palmeiras x Cruzeiro e Flamengo x Corinthians no FOX Sports

Durante entrevista coletiva nesta terça-feira (11), o capitão gremista lembrou um pedido de D'Alessandro e Rodrido Dourado. Segundo ele, os atletas queriam o fim das músicas cantadas pelos atletas do Imortal, em forma de provocação. Após a vitória, de acordo com Maicon, houve uma provocação que o irritou:

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

"Depois do jogo ele foi lá pedir para a gente parar com as provocações, com deboche com o Inter. Mas ele esqueceu que sempre ofendeu o Grêmio. Aqui se faz, aqui se paga. Eu disse que ele foi ao vestiário pedir isso. A resposta é que não tem arrego, não tem nada. Quando eles ganham, quando a gente ganha... não existe acordo, não sei de onde tiraram isso. Principalmente com a nossa rivalidade. Foi isso que aconteceu. Nunca vou bater na porta deles e pedir para pararem de me zoar. A gente não expôs, deveria ficar guardado, mas estamos falando até para a diretoria. Nunca vou pedir arrego como eles fizeram, bateram lá na nossa porta", afirmou Maicon, que seguiu disparando contra os adversários:

"O que teve, morreu ali. Decidimos entre nós que não iríamos parar. Ao contrário do que alguns pensam, não tem essa de tirar o pé. Não houve isso. O que ele pediu foi para pararmos com "Sasha c...", "Um Minuto de Silêncio..." e a gente decidiu que não ia acabar. Ele fez muito isso, então tem que atirar. Tanto que a gente ganhou e fez as brincadeiras. Não vai acabar. Não vai parar".

E o argentino foi o alvo de Maicon durante a coletiva. Até mesmo um encontro com D'Alessandro teria sido pedido pelo ídolo colorado, algo prontamente negado por ele:

"Durante a partida o D'Alessandro disse que queria falar comigo. E eu disse 'tu joga e deu'. E ai nós ganhamos, deu que nós íamos enfrentar eles nas quartas. E depois do jogo ele foi la. Ele, mais o Roger, o Moledo e o Lomba, pedir pra gente parar com as provocações, um minuto de silêncio, Sasha c..., deboche com o Inter. Ele esqueceu que ele era a peça principal, que sempre fez deboche. Aqui se faz, aqui se paga. E eu disse que ele tinha ido pedir isso dai. E a resposta foi que não tem arrego e não tem nada. Nos vamos ganhar e vamos zoar, quando eles ganharem, eles zoam", afirmou Maicon, cornetando também Rodrigo Dourado:

"Não conheço o Dourado. E outra, manda calibrar o pé duro dele. Muito fraquinho".

Saiba mais:

Palmeiras tem marca incrível com Felipão em mata-mata

Lisca revela o time que jamais treinaria: 'Impossível'

Mano é o trunfo do Cruzeiro na Copa do Brasil

Crédito Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Link copiado para a área de transferência!