Cruzeiro e Flamengo assinam termo e se ajudam em semifinal de Copa do Brasil

Cruzeiro e Flamengo assinam termo e se ajudam em semifinal de Copa do Brasil

As equipes fretaram um voo que buscará os jogadores logo após o confronto contra El Salvador, em Washington, e estarão reforçadas para as semifinais

Gazeta Press

Uma das críticas ao técnico Tite foi ter convocado os jogadores que estão em clima de decisão na Copa do Brasil. Pesou ainda o fato de o Palmeiras não ter tido um convocado sequer. Com os jogos contra Estados Unidos e El Salvador, nos dias 7 e 11 de setembro, existiu o desejo dos times em poder contar com os jogadores nas partidas decisivas da Copa do Brasil, com Dedé no duelo contra o Palmeiras e Paquetá contra o Corinthians, ambos na quarta-feira, às 21h45 (de Brasília). Diante disso, rubro-negros e celestes conseguiram uma liberação para terem seus jogadores.

Veja os jogos da La Liga no FOX Premium

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Para obterem seus atletas, no entanto, Cruzeiro e Flamengo terão de assinar um termo de responsabilidade. Isso porque a diferença entre os jogos será de 24 horas e pelo Regulamento Geral de Competições, em seu artigo 25, garante que “atletas profissionais não poderão, como regra geral, disputar partida em competições sem observar o intervalo mínimo de sessenta e seis (66) horas”. Os departamentos médicos já foram comunicados e terão de confirmar a responsabilidade para a liberação dos convocados por Tite.

Saiba mais:

Flamengo pode ter retorno importante

São Paulo terá mudanças contra o Bahia

Além de Pedro, Real quer outra joia

A operação será dividida por Cruzeiro e Flamengo. As equipes fretaram um voo que buscará os jogadores logo após o confronto contra El Salvador, em Washington. A Raposa já estava trabalhando nisso há algum tempo e entrou com pedido na CBF para liberar os jogadores. Dentro da seleção, no entanto, a comissão técnica entendeu que seria prejudicial não contar com os atletas nas partidas. A solução encontrada agrada de alguma forma as agremiações.

Como a primeira partida do Cruzeiro será em São Paulo, Dedé vai direto para a capital paulista onde se junta à delegação celeste que se prepara para o confronto. Paquetá encontra com sua equipe no Rio de Janeiro.

Crédito: Dudu Macedo/ Fotoarena

Link copiado para a área de transferência!