Moisés revela que poderia atuar pela seleção da Croácia antes de acerto com o Palmeiras

Moisés revela que poderia atuar pela seleção da Croácia antes de acerto com o Palmeiras

Moisés estava no Rijeka, da Croácia, quando negociou a sua vinda ao futebol brasileiro. O meio-campista contou que as negociações começaram antes mesmo do término da temporada 2015

FOX Sports

Peça-chave na campanha do título brasileiro do Palmeiras em 2016, o meio-campista Moisés poderia ter tido um destino bastante diferente há alguns anos. O atleta contou em entrevista à TV Palmeiras que teve a possibilidade de defender a seleção da Croácia, mas que preferiu um acerto com o Alviverde. Moisés, inclusive, era parceiro de dois nomes croatas que estão na final do Mundial.

“É uma coisa que poderia acontecer (jogar pela seleção croata). Se eu ficasse lá, eu tinha essa possibilidade, já se falava. Em mais um ano e meio eu poderia tirar meu passaporte e ter a possibilidade de defender a Croácia. Tem dois jogadores que estão lá e foram meus companheiros. Um é o Kramaric, atacante muito bom, e o outro é o Bradaric, que na época era até meu reserva, era mais novo. Então essa possibilidade era bem real de acontecer, se tudo desse certo poderia disputar uma Copa do Mundo, mas eu preferi voltar, até porque não era uma certeza”, disse o meia.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Moisés estava no Rijeka, da Croácia, quando negociou a sua vinda ao futebol brasileiro. O meio-campista contou que as negociações começaram antes mesmo do término da temporada 2015 e que torceu pela televisão, no Leste Europeu, pelo Palmeiras na final da Copa do Brasil diante do Santos.

“O Alexandre (Mattos, diretor) começou a falar de tudo o que estava acontecendo. O Palmeiras estava disputando a final contra o Santos na Copa do Brasil e eu comecei a torcer, a assistir. Lembro que lá (na Croácia) eram 5h da manhã e eu estava assistindo, torcendo muito. Lembro que o Palmeiras fez 2 a 0 e eu comemorei bastante. Aí quando o Santos fez o gol eu achei que tinha perdido pelo gol fora, não sabia da regra. Fiquei muito triste. Depois que eu vi que iria para os pênaltis”.

Na oportunidade, o Palmeiras venceu o Santos nas penalidades por 4 a 3 e conquistou o tricampeonato da Copa do Brasil. “O Alexandre me falou de toda a estrutura, de tudo o que estava se formando aqui, e que precisava de um cara com as minhas características. Quando ele me falou isso, eu senti no meu coração que era hora de voltar. Eu só tinha jogado no Brasil para não cair ou ficar em meio de tabela, objetivos menores do que os que o Palmeiras poderia me proporcionar. Isso me motivou, porque eu queria ter esse reconhecimento no meu país”.

O FOX Sports transmite ao vivo todos os jogos da Copa do Mundo da Rússia. Para acompanhar todas as notícias do Brasil e das outras seleções, confira a página especial do FOXSports.com.br.

Saiba mais:

Flamengo perto de Vitinho

Chelsea anuncia brasileiro

Barça entra na briga por Kanté

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade