Entenda por que Corinthians não vê possível saída de Carille como mudança de rota

Entenda por que Corinthians não vê possível saída de Carille como ‘mudança de rota’

De acordo com informações do comentarista FOX Sports Leandro Quesada, parte da diretoria acredita que nada mudará com saída do treinador campeão brasileiro

FOX Sports

Segundo revelado por Benjamin Back no programa FOX Sports Rádio desta quinta-feira (17 de maio), a tendência é de que Fábio Carille, apontado como um dos responsáveis pelo sucesso do clube em 2017 e 2018, aceite a proposta apresentada a seus representantes pelo Al-Hilal, da Arábia Saudita, e deixe o Parque São Jorge. Na mesa, um contrato de dois anos e um salário que pode ser até quatro vezes maior que o que recebe no Corinthians.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Durante o Expediente Futebol, o comentarista FOX Sports Leandro Quesada informou que parte da diretoria não está tão preocupada com a possível perda do comandante da equipe.

“Amanhã (sexta, 18 de maio) Carille deve dar a resposta se vai aceitar a proposta ou não. Conversei com algumas pessoas nas últimas horas, gente que está lá na Venezuela e gente que está em São Paulo, e eu saí com a seguinte conclusão de tudo que eu ouvi: Carille é muito importante, o Corinthians gosta muito dele, respeitam muito o trabalho, consideram o Carille um cara estudioso que se encaixou com a ideia do clube de ter um treinador jovem que conhece de futebol, mas que se ele sair nada vai mudar. Até me impressionei quando ouvi isso hoje. Há uma estrutura já pronta e é só encaixar a peça que pense dessa forma para poder continuar o trabalho”.

Luverdense x Santos, decisão no grupo do Corinthians e Libertadores; a quinta no FOX Sports

Dentro desse contexto, dois nomes surgem como os favoritos a assumir o Corinthians caso Carille decida aceitar a proposta do mundo árabe. “Osmar Loss, que já foi campeão da Copinha e é auxiliar direto do Carille, e o Fabinho que é outro auxiliar direto do Carille. Esses dois tocariam esse projeto caso Carille decida aceitar a proposta do Al-Hilal”.

Ainda segundo informações de Quesada, essa parte da direção do Corinthians não acredita que o fator econômico seja o que mais vai pesar na decisão de Carille.

“Carille poderia ficar mesmo que não tenho um aumento agora. Essa coisa de grana pode ser discutida mais adiante. Há informações inclusive de que o Carille não conseguiu ganhar tanto dinheiro assim como jogador de futebol e hoje na pele de treinador do Corinthians. Ou seja, o fator econômico poderia traçar um novo rumo para a carreira do Carille”, completou.

Saiba mais:

Presidente do Barcelona revela encontro com Griezmann

PVC aponta grande problema do Corinthians em 2018

Santos faz proposta para contar com ex-Palmeiras pós-Copa

Crédito da foto: Marco Galvão / Fotoarena

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!