Éverton Ribeiro brilha, Fla bate Emelec, despacha 'fantasma' e se classifica para oitavas da Liberta

Mesmo sem grande atuação, Rubro-Negro faz 2 a 0 nos equatorianos, com gols do meia, que chamou a responsabilidade em um Maracanã com 40 mil pessoas

False
358525

O Emelec só conseguiu voltar à área rubro-negra aos 38 minutos, mas Renê desviou para escanteio um cruzamento perigoso de Matamoros.

Aos 43 minutos, em nova cobrança de falta, o Flamengo quase chegou lá. Diego bateu falta na lateral da área e Juan cabeceou com muito perigo, mas a bola saiu.Nos acréscimos, o Emelec voltou ao ataque e o Flamengo cedeu escanteio, mas o árbitro encerrou o jogo antes da cobrança, o que revoltou os atletas visitantes.

O Flamengo voltou para o segundo tempo com o zagueiro Léo Duarte no lugar de Juan que sentiu dores na coxa direita e pediu substituição. E logo aos três minutos, marcou o primeiro gol. Renê invadiu a área pela esquerda, e cruzou para o meio da área. A bola sobrou para Diego que chutou para defesa parcial de Dreer. Éverton Ribeiro apanhou o rebote e mandou para o fundo das redes.

Depois de sofrer o gol, o técnico Alfredo Arias colocou mais um atacante em campo para tentar dar mais agressividade à equipe.

Mesmo em vantagem, o time carioca não reduziu a pressão sobre a defesa do Emelec, não permitindo a troca de passes na zaga. Aos 12 minutos, uma falha de Éverton Ribeiro permitiu que o Emelec armasse um bom contra-ataque que terminou com a conclusão de Luna, bem defendida por Diego Alves.

O rubro-negro seguia dominando e, aos 15 minutos, foi a vez de Rodinei experimentar para defesa segura de Dreer. Depois dos 20 minutos, o ritmo do Flamengo caiu, mas o Emelec, apesar de tentar ser mais ofensivo, não conseguia penetrar na defesa rubro-negra.

Aos 27 minutos, em lance confuso na área equatoriana, Henrique Dourado e Vinicius Júnior tiveram chances de concluir, mas acabaram bloqueados. O Flamengo voltou a comandar as ações e a criar situações de perigo, mas seguiu falhando nas conclusões.

Aos 32 minutos, a zaga equatoriana errou e permitiu que Vinicius Júnior recebesse livre na área, mas o jovem atacante desperdiçou a oportunidade de ampliar o marcador ao tentar fazer o passe para um companheiro, quando tinha tudo para marcar.

Aos 39 minutos, o Emelec criou a sua melhor oportunidade. Preciado bateu colocado e Diego Alves fez grande defesa. O rebote ficou para Lastra que mandou para fora e desperdiçou a chance para empatar.

Para tentar fechar a defesa, o volante Jonas entrou no lugar de Diego que ouviu mais aplausos do que vaias na saída. Nos acréscimos, o Flamengo ampliou em cobrança de falta perfeita de Éverton Ribeiro, dando números finais ao jogo.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Crédito da imagem: Foto Arena

Renato se comove com situação da Venezuela: 'Machuca o coração'

Flamengo tem reforço de peso para vencer o Emelec e se classificar

Messi fala de CR7 e diz que Real é o seu combustível para vencer mais

Deixe seu comentário