Brasil “omite” os outros 12 suplentes da lista da Fifa: “Já está feita e encaminhada”

Treinador da Seleção Brasileira divulgou nesta segunda-feira (14 de maio) os 23 jogadores convocados para a disputa da Copa do Mundo da Rússia

False
358089

Nesta segunda-feira (14 de maio), o técnico Tite convocou os 23 jogadores para a disputa da Copa do Mundo pela Seleção Brasileira. Perguntado sobre a lista dos 12 suplentes, o comandante da Seleção Canarinho confirmou que os selecionados já foram escolhidos, porém preferiu não divulgar.

Com a convocação começando às 14h, Tite explicou que um dos motivos para não divulgar os suplentes foi o fato de ter definido o último dos 23 escolhidos momentos antes do contato com a imprensa. “Essa outra lista já está feita. Uma das questões que colocamos foi sobre isso, dessa lista, o quanto ela estaria fechada. Ela está se fechando agora, porque a última reação do último atleta, das 13h30, mais ou menos. A lista de 35 está feita, está encaminhada também”, afirmou o treinador.

Antes da convocação, a dupla Tite e Edu Gaspar já havia dito que os suplentes não seriam divulgados. A alegação da cúpula da seleção é a de que existe a possibilidade, mediante algum corte dos 23, de que uma eventual reposição seja feita por alguém de fora da lista dos 35, e o chamado de um jogador de fora desses convocados poderia gerar algum tipo de desconforto (no caso, por exemplo, de um lateral direito ser cortado dos 23 e na lista de 12 “extras” não ter um jogador da mesma posição). Isso porque apesar do envio da lista de 35, a Fifa permite, em caso de lesão, que seja feita substituição até o início da Copa por algum outro nome de fora dos 35.

Crédito da foto: Lucas Figueiredo/CBF

Deixe seu comentário