Brasil pode 'esconder' os 12 nomes reservas da lista para Copa da Rússia; entenda

Revelação foi feita no último mês por Edu Gaspar, que admitiu uma precaução com a divulgação desses suplentes em caso de corte de um atleta; Tite vai anunciar sua lista oficial nesta segunda-feira (14), com transmissão do FOX Sports

False
357942

Reta final para a Copa do Mundo da Rússia. Nesta segunda-feira (14 de maio), o técnico Tite anuncia oficialmente a lista de convocados para o Mundial. E, claro, você não perde nada no FOX Sports e APP FOX Sports, a partir de 9h, com o Bom Dia FOX, e durante toda a nossa programação, passando por Central FOX, FOX Sports Rádio, Expediente Futebol e O Jogo Sagrado. O anúncio oficial acontece a partir de 14h.

A Seleção Brasileira anunciará a lista oficial do 23 nomes convocados para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Mas, paralelamente, enviará para a Fifa uma pré-lista que contenha 35 (já com esses 23 inclusos), de acordo com as regras estabelecidas para a inscrição.

Convocação da Seleção, 14h, nesta segunda, ao vivo no FOX Sports

Esta relação enviada para a entidade máxima do futebol, no entanto, não pode ser divulgada sem o consentimento e permissão de cada seleção. No último dia 19 de março, Edu Gaspar, coordenador da Seleção, não revelou se o Brasil optará por não divulgar os 12 nomes além dos relacionados além da lista de 23, mas indicou que a opção pode ser por preservar os outros nomes. 

A alegação da cúpula da seleção é a de que existe a possibilidade, mediante algum corte dos 23, de que uma eventual reposição seja feita por alguém de fora da lista dos 35, e o chamado de um jogador de fora desses convocados poderia gerar algum tipo de desconforto (no caso, por exemplo, de um lateral direito ser cortado dos 23 e na lista de 12 “extras” não ter um jogador da mesma posição). Isso porque apesar do envio da lista de 35, a Fifa permite, em caso de lesão, que seja feita substituição até o início da Copa por algum outro nome de fora dos 35.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

"Sinceramente, ainda não pensamos nisso (se irão divulgar o total dos 35), não chegamos a algum tipo de problema. A ideia que está sendo discutida é enviar a lista de 35 atletas pra Fifa, e no mesmo dia anunciar os 23; mandar isso mais ou menos junto. A única dúvida que surge é caso aconteça algo com um atleta, e tendo a necessidade de convocar um atleta seguinte devido a uma lesão ou qualquer outro tipo de situação, não é preciso tirar (da lista) dos 35. Você pode tirar de outro local (fora dos 35). Então fica um pouco estranho divulgar a lista dos 35 e pelo destino ter que chamar alguém de fora dos 35, fica um pouco estranho”, falou Edu na ocaisão. 

A Seleção Brasileira faz a sua estreia pelo Grupo E da Copa do Mundo no dia 17 de junho contra a Suíça, em Rostov. Logo em seguida, no dia 22, encara a Costa Rica, em São Petesburgo. O último compromisso pela fase de grupos será contra a Sérvia, no dia 27, na Arena Otkrytie, na capital Moscou.

Crédito Foto: Pedro Martins/Mowapress

Deixe seu comentário