Aguirre admite que pode perder titulares para decisão contra o Rosario Central para quarta-feira

Aguirre admite que pode perder titulares para decisão contra o Rosario Central para quarta-feira

Treinador perdeu Éder Militão e Nenê por questões musculares no empate contra o Atlético-MG, e não sabe se poderá contar com eles no duelo decisivo que definirá quem avança no torneio continental

Gazeta Press

O técnico Diego Aguirre ligou o alerta para a partida da próxima quarta-feira, contra o Rosario Central, válida pela volta da primeira fase da Conmebol Sul-Americana. Na noite deste sábado, o treinador uruguaio perdeu dois de seus titulares por problemas físicos (Éder Militão e Nenê) e ainda não sabe se poderá contar com eles no duelo decisivo que definirá quem avança no torneio continental.

Militão sentiu um incômodo muscular ainda no aquecimento e acabou cortado no vestiário. Temendo o agravamento do problema, Diego Aguirre optou por colocar Anderson Martins, que não entrava em campo havia quase dois meses, e pareceu não ter se arrependido de sua escolha.

Barcelona x Real Madrid, Boca e muito mais: o fim de semana no FOX Sports

“O Militão sentiu um desconforto no aquecimento, senti que havia muito risco de colocar ele em campo, porque poderia machucar, perder o jogador. Foi uma decisão de último momento, mas a saída de um jogador dá oportunidade a outro, e Anderson Martins estava merecendo, porque ficou muito tempo machucado. Ganhamos um jogador com Anderson”, afirmou Aguirre.

Além de Militão, Nenê se tornou outra dor de cabeça para o técnico são-paulino. O camisa 7 sentiu a coxa no segundo tempo e acabou substituído por Liziero. Principal peça de armação do time tricolor, o meia teve sua ausência sentida no confronto com o Galo até a entrada de Cueva, responsável pelo passe que deixou Diego Souza na cara do gol para garantir o empate no Morumbi.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

“O Nenê temos que esperar, como falei, o que os médicos irão me dizer. Temos três dias para nos preparar para o jogo de quarta e preciso ter a certeza dos jogadores que vão jogar. Temos que decidir o time, mas temos que colocar em campo os jogadores que estejam 100%. Para um jogo decisivo, isso é muito importante”, completou Aguirre.

Vale lembrar que além de Militão e Nenê, Rodrigo Caio também tem de lidar com um problema físico. O zagueiro sofreu uma entorse no pé esquerdo e ficou de fora das duas últimas partidas do São Paulo no Campeonato Brasileiro. Embora dê sinais de que pode retornar ao time na próxima quarta, o quadro do selecionável de Tite ainda requer cuidados, tanto é que ele sequer foi a campo no treinamento da última sexta-feira.

(Crédito da imagem: Jales Valquer/Foto Arena)

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!