Flamengo não pode pedir anulação do cartão vermelho de Everton Ribeiro; entenda

Felipe Bevilacqua, procurador do SJTD, explicou ao FOXSports.com.br que apenas o árbitro pode ser punido

False
353792

No último sábado (14 de abril), o Flamengo empatou com o Vitória, em Salvador, por 2 a 2 e deixou o campo reclamando bastante da arbitragem. Logo no começo da partida, o árbitro Wagner Reway marcou um pênalti contra a equipe carioca e expulsou o meia Everton Ribeiro alegando que o camisa 7 tirou uma bola na linha do gol com a mão.

Fla, SP, Vasco, Grêmio, Cruzeiro, Atlético-MG, Real e mais: a super semana do FOX Sports

A bola, no entanto, bateu apenas no rosto do meio-campista, que, mesmo após muita reclamação dos seus companheiros, teve que deixar o campo. Procurado pelo FOXSports.com.br, Felipe Bevilacqua, procurador do SJTD, explicou que o cartão vermelho do jogador não pode ser retirado.

“Não procede pedir anulação porque o erro foi de fato é não de direito, ou seja, de interpretação do lance. O máximo que pode ocorrer e o árbitro ser punido, mesmo assim é difícil pelos mesmos fundamentos”, disse Bevilacqua. Com isso, Everton Ribeiro está fora do jogo contra o América-MG no próximo sábado (21). No entanto, ele estará disponível para o duelo contra o Santa Fe, pela Conmebol Libertadores, nesta quarta-feira (18) com transmissão ao vivo do FOX Sports a partir das 21h30.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Vale notar que, um dia após a partida, a Comissão de Arbitragem da CBF agiu rápido e afastou o trio de arbitragem do jogo, que contou também com outras polêmicas. Além de Reway, os auxiliares Fábio Rodrigo Rubinho e Marcelo Gando vão passar por um processo de reciclagem trabalhando em jogos da Série B.

Leia também:

Inter e Milan brigam por ex-São Paulo

Gigante brasileiro de olho em Thiago Maia

Bayern terá baixa importante contra o Real

Crédito Foto: Reprodução

Deixe seu comentário