Palmeiras emite nova nota oficial e questiona: ‘Existe coragem para se buscar a verdade?’

Nesta quarta, o Verdão soltou mais uma nota oficial e esclarece que o Palmeiras aguarda a prerrogativa do requerimento à impugnação da partida

False
352992

O Palmeiras segue firme em cima da Federação Paulista de Futebol em relação ao cancelamento do pênalti no segundo tempo da partida de volta da final do Paulistão, diante do Corinthians, no Allianz Parque. Nesta quarta, o Verdão soltou mais uma nota oficial e esclarece que o Palmeiras aguarda a prerrogativa do requerimento à impugnação da partida. O time paulista ainda faz um questionamento se existe coragem para se apurar a verdade no caso.

Saiba mais:

Fla: Bauza revela sondagem e acena positivamente

Vasco: gigante europeu oferece R$ 59 milhões por Paulinho

Diego Souza pode deixar o São Paulo rumo a ex-clube

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Botafogo e Galo na Sul-Americana, Arsenal na Europa League e mais: a programação do FOX Sports

Leia a nota oficial na íntegra abaixo:

Em relação à reportagem veiculada nesta quarta-feira (11) no site globoesporte.com contendo declarações do presidente do TJD-SP, Dr. Antonio Olim, esclarecemos que apresentamos pedido de instauração de inquérito (Art. 81), o qual não exige recolhimento prévio de custas e que, inclusive, o Dr. Olim já afirmou às redes de televisão que entendia ser o caso. Ao final do inquérito, o Palmeiras terá a prerrogativa ou não de requerer a impugnação.

De qualquer forma, o Palmeiras faz o seguinte questionamento direto à FPF: existe interesse e coragem para se buscar a verdade real sobre os fatos ou tentarão utilizar de subterfúgios processuais (como foi feito em inúmeros casos precedentes no futebol brasileiro) para justificar o engavetamento do problema?

Deixe seu comentário