Governo suspende Campeonato Grego após presidente do PAOK entrar armado em campo

Governo suspende Campeonato Grego após presidente do PAOK entrar armado em campo

Ivan Savidis tentou por diversas vezes se aproximar do árbitro, mas foi contido por homens que pareciam seus guarda-costas. Enquanto isso, os jogadores do AEK partiram para o vestiário, temendo conflito maior

Gazeta Press

O futebol tem vivido dias de caos na Grécia. Neste domingo, Ivan Savvidis, presidente do PAOK, terceiro colocado do Campeonato Grego, entrou em campo armado para cobrar o árbitro por um gol anulado de sua equipe no empate contra o líder AEK Atenas. Esta foi a gota d’água para o Ministério da Cultura e do Esporte, que suspendeu a competição nacional por tempo indeterminado.

Libertadores com três brasileiros, Copa do Brasil, Boca x River e Europa League: tudo no FOX Sports

“Nós decidimos interromper o campeonato … Não começará novamente até que haja uma estrutura clara, acordada por todos, para avançar com as regras do jogo”, declarou Georgios Vassiliadis, vice-ministro da Cultura e do Esporte, em entrevista concedida a agência Reuters.

Este é mais um incidente no futebol grego em menos de um mês. No dia 25 de fevereiro, a torcida do mesmo PAOK arremessou objetos ao gramado antes do clássico contra o Olympiacos e um rolo de papel acabou atingindo o técnico rival, que foi encaminhado ao hospital. O clube foi multado em 30 mil euros e perdeu três pontos na classificação da Super League.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time 

Dias depois, torcedores organizados do PAOK invadiram os estúdios de uma emissora grega e obrigaram um jornalista a ler, ao vivo, uma mensagem de protesto contra a punição recebida pelo clube.

Saiba mais:

Guerrero revela desejo para o futuro

Real tem 4 nomes para o lugar de Benzema

Destaque do Chelsea na mira do PSG

(Crédito da imagem: Agência EFE)

Link copiado para a área de transferência!