Queridinho de Tite Willian brilha e volta a marcar em vitoria do Chelsea

‘Queridinho’ de Tite, Willian brilha e volta a marcar em vitória do Chelsea

Meia brasileiro tem grande atuação e abre o placar em jogo diante do Crystal Palace, válido pela 30ª rodada da Premier League

Gazeta Press

Com grande atuação de Willian, que abriu o placar para o Chelsea, os Blues venceram o Crystal Palace por 2 a 1 neste sábado (10 de março), no Stamford Bridge, em jogo válido pela 30ª rodada do Campeonato Inglês. Martin Kelly (contra) fez o outro dos mandantes e Van Aanholt descontou.

O futebol apresentado pelas duas equipes foi uma demonstração clara do porquê da distância entre os dois times na tabela de classificação. O Chelsea acumulou 65% de posse de bola no duelo e arriscou 27 chutes a gol, contra apenas sete do Crystal Palace.

Barcelona, Borussia, River, Boca e mais: o fim de semana no FOX Sports 

E a diferença em campo não demorou a aparecer. Aos 24 minutos, Willian recebeu na ponta esquerda, levou para o meio e arriscou chute rasteiro de longe. A bola desviou levemente na zaga, beijou o pé da trave e morreu no fundo das redes.

Este foi o 13º gol do camisa 22 pelo Chelsea. A marca é a melhor do jogador desde que chegou ao clube de Londres, em 2013. E este foi só o começo do bom futebol demonstrado pelo brasileiro, que deu drible da vaca, caneta e muito mais…

Apenas sete minutos depois, o Chelsea saiu em contra-ataque pela esquerda com Marcos Alonso, Willian recebeu no meio e deu lindo corta-luz para Hazard, que abriu na direita para Zappacosta. O italiano soltou a bomba, e a bola bateu em Martin Kelly, e no goleiro Henessey antes de morrer no fundo das redes.

Já na reta final do duelo, aos 44 do segundo tempo, o Crystal Palace descontou. Van Aanholt recebeu de Zaha, invadiu a área pela esquerda e saiu na cara de Courtois. O lateral bateu rasteiro e o goleiro belga acabou aceitando no meio das pernas.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Como curiosidade pelo lado visitante, o goleiro Diego Cavalieri voltou a ficar no banco de reservas como opção para o técnico Roy Hodgson. O brasileiro já tinha sido relacionado na derrota para o Manchester United, no início da semana.

Com o resultado, o Chelsea foi aos 56 pontos, dois atrás do Tottenham, quarto colocado. Já o Crystal Palace segue na zona de rebaixamento com 27 pontos, um a menos que o Southamptom. Já são quatro derrotas consecutivas da equipe.

Saiba mais:

Santos vence briga com Timão por zagueiro

Alisson pode ser rival de Neymar na França

Corinthians compra direitos de meio-campista

Crédito Foto: EFE

Link copiado para a área de transferência!