Blatter não sente confiança na candidatura dos EUA para a Copa de 2026 Estão com medo

Blatter não sente confiança na candidatura dos EUA para a Copa de 2026: 'Estão com medo'

O Marrocos é o único concorrente da candidatura tripla até agora, mas até o final da próxima semana outros países podem se candidatar para sediar a Copa do Mundo de 2026

Gazeta Press

A Federação Americana de Futebol (USS) se candidatou para sediar a Copa do Mundo de 2026, junto de México e Canadá. Os americanos estavam à frente na tomada de decisões, porém, nas últimas semanas os três países se igualaram.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

A igualdade entre os três países diminui o poder de decisão de Sunil Gulati, presidente da USS, influente na Fifa e homem forte do comitê executivo durante a gestão do ex-presidente Joseph Blatter. Esse recuo da Federação norte-americana não agradou Blatter, que criticou a atitude. “Passaram a impressão de que não estão seguros que vão ganhar. Não entendo porque estão com medo”.

Sul-Americana e Europa League são os destaques na programação do FOX Sports 

O Marrocos é o único concorrente da candidatura tripla até agora, mas até o final da próxima semana outros países podem se candidatar para sediar a Copa do Mundo de 2026. A decisão final será anunciada no dia 13 de junho, em Moscou, na Rússia, e todos os países terão direito ao voto após a reformulação para evitar manipulações.

Saiba mais:

PSG pode ter técnico brasileiro

Griezmann muito perto do Barça?

CR7 amplia vantagem sobre Messi

O Mundial de 2026 será o primeiro com 48 seleções, fato que subtrai as chances do país africano, porque alguns membros da Fifa acreditam que o evento é muito grande e o Marrocos não teria capacidade de acomodar tantas nações.

Crédito da foto: Bruno domingos/mowapress

Link copiado para a área de transferência!