Projeto de lei pode obrigar uso de VAR no Brasil com custos arcados pela CBF

Projeto de lei pode obrigar uso de VAR no Brasil com custos arcados pela CBF

Exigência valeria para competições profissionais em que há cobrança de ingresso; árbitro de vídeo foi aprovado recentemente pela International Board e deve ser usado na Copa do Mundo

Gazeta Press

Nesta quarta-feira (7 de março), o deputado federal Delegado Edson Moreira (PR-MG) apresentou projeto de lei que exige a obrigatoriedade da utilização do árbitro de vídeo em competições profissionais em que há cobrança de ingresso.

Sul-Americana e Europa League são os destaques na programação do FOX Sports 

Pelo projeto apresentado, o custo da implementação da tecnologia seria arcado pelas entidades que são responsáveis pelos torneios. Dessa forma, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) teria que arcar com os custos, diferentemente do que foi proposto em reunião geral do Campeonato Brasileiro.

A International Board, entidade que cuida do futebol mundial, aprovou a implementação do VAR, recurso que deverá ser usado na Copa do Mundo na Rússia. Recentemente os clubes da primeira divisão do Campeonato Brasileiro recusaram a utilização do árbitro de vídeo, contudo o recurso será utilizado na Copa do Brasil.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

O projeto, que agora segue para análise das comissões da Câmera dos Deputados, requere uma alteração na Lei Pelé.

Leia também:

Palmeiras busca zagueiro no futebol europeu

PSG próximo de primeiro reforço após eliminação

Sevilla não descarta negociar Ganso

Crédito da foto: Rener Pinheiro/CBF

Link copiado para a área de transferência!