Um ano após fratura com jogador do Chelsea, meia inglês de 26 anos anuncia aposentadoria

Ryan Mason, que atuava pelo Hull City, sofreu uma lesão no crânio em disputa de bola com Gary Cahill no duelo contra o Chelsea em janeiro de 2017

False
344078

Em 22 de janeiro de 2017, na partida entre Chelsea e Hull City no Stamford Bridge, a carreira do jogador inglês Ryan Mason tomou um rumo inesperado. Após um choque de cabeça forte com o zagueiro Gary Cahill, o atleta sofreu uma fratura no crânio e teve que ser submetido a uma cirurgia de emergência.

Pouco mais de um ano depois, nesta terça-feira, Mason anunciou oficialmente, por meio de um comunicado, que terá que se aposentar do futebol por causa da lesão. O jogador não retornou aos gramados desde o confronto pelo Campeonato Inglês contra o clube londrino.

Europa League, Libertadores, Recopa e mais: a programação do FOX Sports

Em sua nota oficial, Ryan Mason destacou que se esforçou para voltar aos campos, mas por conselho médico, optou pela aposentadoria. O jogador mostrou-se grato pelo apoio recebido, além de também agradecer todos seus companheiros de equipe e por ter tido a oportunidade de defender a seleção inglesa.

Por meio de seu site oficial, o Hull City, última equipe do atleta, informou sobre a decisão, afirmando também que Mason agradeceu o clube pelos serviços prestados.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Confira a nota oficial do Hull City:

É com grande pesar que o clube anuncia que, depois de uma fratura no crânio sofrida no dia 22 de janeiro de 2017, Ryan Mason se aposentará do futebol com efeito imediato.

Ryan buscou a ajuda de numerosos neurologistas e neurocirurgiões renomados do mundo, que o aconselharam que um retorno ao futebol competitivo não era recomendado.

Ryan gostaria de registrar seu agradecimento para todos no clube que o ajudaram com sua recuperação até aqui e que ele está em débito com eles por seu suporte e compaixão nos últimos 12 meses.

Saiba mais:

"Corinthians tem sempre prioridade"

SP segue negociando por Victor Ferraz

Milan e rival querem Lincoln, do Fla

Crédito da imagem: EFE

 

Deixe seu comentário