Vídeos íntimos são encontrados em sede de clube paraguaio investigado por crimes sexuais

Nesta segunda-feira, a polícia esteve na sede do Rúbio Ñu para fazer uma varredura nos arquivos logo após a relação entre Antonio González, dirigente do clube, e o lateral Bernardo Gabriel Caballero, ser divulgada nas redes sociais

False
344015

Um verdadeiro escândalo toma conta do futebol paraguaio nas últimas semanas. Nesta segunda-feira, a polícia esteve na sede do Rúbio Ñu para fazer uma varredura nos arquivos logo após a relação entre Antonio González, dirigente do clube, e o lateral Bernardo Gabriel Caballero, ser divulgada nas redes sociais.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Além disso, existe uma suspeita de abusos sexuais a menores de idade. Por conta disso, alguns agentes foram ao clube para coletar evidências no local. As autoridades confirmaram que existe conteúdo pornográfico nos materiais encontrados pela polícia. A confirmação foi feita por Rogelio Delgado, presidente da FAP – Futebolistas Associados do Paraguai.

Libertadores, Recopa e mais: a programação do FOX Sports

Entenda o caso

O lateral Bernardo Caballero se envolveu em um caso amoroso com Antonio González, dirigente do clube. Porém, vazou uma foto íntima de ambos nas redes sociais, o que causou um furor no País. Depois disso, González divulgou um vídeo nas redes sociais onde chamava o atleta e rompia o contrato do atleta.

Saiba mais:

Real Madrid "teme" por Vinicius Júnior

Messi diz o que Barça ganhou sem Neymar

Estrela do Milan pode se transferir para o Real

O representante do atleta, Valentín Ozuna, disse que sempre foi coagido pelo diretor do clube e chantageado por conta das fotos e vídeos com o atleta. A partir de agora, o jogador tenta se recuperar do problema pessoal e continuar com a sua carreira.

“Tenho esperança, sempre sonhei em ter êxito como jogador e agora isso vai me custar muito caro. Só quero que tudo isso passe agora”, disse o atleta.

Deixe seu comentário