Raí revela "trunfos" que trouxe para o São Paulo após início do seu trabalho

Na coletiva de imprensa desta sexta-feira (9), o novo executivo de futebol do Tricolor Paulista fez uma avaliação destes dois meses em que está no clube

False
343573

Após dois meses como diretor-executivo de futebol, Raí vê o São Paulo em processo de recuperação. O dirigente disse nesta sexta-feira (9 de fevereiro) que o clube está de novo atraente para os jogadores. Como argumento, citou o caso de Rodrigo Caio, que recentemente recusou uma proposta da Real Sociedad, da Espanha.

Real, Inter de Milão e mais: a programação do FOX Sports

“O Rodrigo Caio teve uma proposta para sair e manifestou desejo de ficar. Os jogadores estão com vontade de ficar aqui”, comemorou o ex-atacante, antes de entregar a camisa 21 para Valdívia, apresentado como sexto reforço do time para a temporada, no CT da Barra Funda.

Preocupação da gestão tricolor, a recorrente saída massiva de atletas nos últimos anos passou a ser um dos problemas a serem combatidos pela diretoria. Recém-empossado como superintendente de relações institucionais, o ex-zagueiro Diego Lugano havia dito que trabalharia para solucionar a questão, inclusive.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

O São Paulo também espera ajudar Valdívia a recuperar o futebol que o tornou conhecido no Internacional. Após sofrer uma grave lesão no joelho esquerdo em novembro de 2015, o jogador foi rebaixado com o Colorado na temporada seguinte, ficou de fora dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e teve passagem discreta pelo Atlético-MG.

“Era um nome que acompanhávamos há um tempo, estudando a viabilidade. É notório o potencial do jogador, versátil, com habilidade e velocidade. O São Paulo sempre foi um clube que, se não teve essa função nos últimos anos, recuperou muitos jogadores que passaram por momentos não esperados”, rememorou o ídolo tricolor.

Emprestado ao Tricolor até o fim do ano, o meia-atacante marcou apenas dois gols em 33 partidas pelo clube mineiro. Ainda assim, Raí confia em sua reabilitação. “O Valdívia só jogou em time grande, temos certeza que terá todo o apoio necessário para ter uma carreira de grande sucesso e ter uma passagem riquíssima no São Paulo. É um exemplo que pode ser transformado em prática”, sustentou.

Utilizando seu irreverente linguajar das redes sociais, Valdívia retribuiu os elogios e falou sobre ter Raí como diretor. “Aqui é poko-charme. Sou poka-beleza”, brincou o jogador de 23 anos. “A confiança que a diretoria passou é importante. Na diretoria, tem pessoas que jogaram futebol, fica mais fácil, entendem nosso lado, só que a cobrança é até maior. Preciso estar bem. Vim um pouco desacreditado, mas comissão técnica, diretoria e jogadores confiam, e também confio, isso que importa”, concluiu.

Com Valdívia, o São Paulo de Raí chegou a seis reforços para a temporada 2018. Antes dele, o clube havia trazido o goleiro Jean (Bahia), o meia-atacante Diego Souza (Sport), o zagueiro Anderson Martins (Vasco), o meia Nenê (Vasco) e o centroavante Tréllez (Vitória), além de ter garantido a permanência de Jucilei e Edimar e os retornos de Hudson e Reinaldo.

Veja também:

Marquinhos Gabriel pode ser trocado

La U libera atacante para ter Vaz

Ex-Real ficou muito próximo do Barça

Crédito da imagem: Foto Arena

Deixe seu comentário