Campeão mundial com Corinthians diz por que processou o clube e o que reivindica

Em entrevista ao FOX Sports Rádio nesta quinta-feira, o ídolo do Corinthians explicou o motivo pelo qual ingressou na Justiça contra o clube: 'Eu trabalhei, e acho que nada mais justo do que receber'

Compartilhar vídeo
Inserir vídeo
Tamanho do vídeo
343377

Logo na primeira semana do novo mandato à frente do Corinthians, Andrés Sanchez ganhou mais um problema para administrar nas finanças do clube. Campeão Mundial e da Libertadores de 2012 no Timão, o ex-zagueiro Chicão venceu na última instância trabalhista da Justiça um processo que movia contra o Alvinegro desde 2013, quando cobrava a diferença de 15% no Direito de Arena que era pago à época. A decisão foi divulgada pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Possível rival do Palmeiras, Real, Inter de Milão e mais: a programaão do FOX Sports

Em entrevista ao FOX Sports Rádio nesta quinta-feira, o ídolo do Corinthians explicou o motivo pelo qual ingressou na Justiça contra o clube. Segundo informações do jornal Lance!, o Timão precisará pagar algo entre R$ 1,5 milhão e R$ 2 milhões ao ex-zagueiro.

“Saiu o resultado da última instância, acabamos vencendo. É um processo sobre o Direito de Arena. Eu não entrei com [pedido] de horas-extras, adicional noturno, ou algo assim. Eu só entrei pelo que é direto do trabalhador. A gente tinha direito a 20% do Direito de Arena e pagaram os 15% [de diferença]. Depois de um tempo essa lei mudou. Agora o clube paga somente 5%. Entrei na Justiça por esse direito, pedindo os 15%. Nada mais justo do que isso”, disse Chicão, que deixou claro o objetivo do processo movido na Justiça, reafirmando não ter cobrado horas-extras ou adicional noturno.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time 

“Eu jamais iria fazer isso, até pelo carinho que tenho pelo clube, pela torcida. Eu fiz com aquilo que a lei me respalda, que são esses 15%. Eu trabalhei, e acho que nada mais justo do que receber”, afirmou.

Leia também:

Ganso disputado por brasileiros

City mira craque argentino

Napoli ainda quer joia do Timão

(Crédito da imagem: Marco Galvão/Foto Arena)

Deixe seu comentário