Dorival diz função que não quer ver Diego Souza fazer no São Paulo: 'Questão de tempo'

Com dois gols marcados em seis jogos pelo Tricolor, jogador se colocou à disposição do treinador para atuar como o comandante precisar em campo: 'O que eu quero é ganhar'

False
343336

Embora Diego Souza use a camisa 9 do São Paulo, o técnico Dorival Júnior pretende utilizá-lo em outra função. Após a sofrida vitória por 1 a 0 sobre o Bragantino, na noite desta quarta-feira, no Morumbi, o treinador disse que não pretende restringir as opções do versátil jogador.

“O Diego flutuou muito mais do que nos jogos anteriores. Dou liberdade para se movimentar como se sentir melhor, percebendo os zagueiros. Joga solto, como gosta. Tudo é questão de tempo. Não quero Diego atacante, vou até mandar mudar camisa, para não acharem que é centroavante”, brincou Dorival, em entrevista coletiva.

Possível rival do Palmeiras, Real, Inter de Milão e mais: a programaão do FOX Sports

Durante o duelo com o Bragantino, inclusive, Diego Souza saiu diversas vezes da área para abrir espaços na defesa adversária, a exemplo do que Lucas Pratto fazia no ano passado. E Dorival pretende manter essa dinâmica em seu esquema de velocidade no São Paulo.

“Ele tem toda liberdade. Teve momentos com Cueva e Marcos Guilherme centralizados, ou Nenê. Quero mobilidade para ter penetração. Várias equipes na Europa jogam assim, meias como Messi já jogaram enfiados brilhantemente. O Diego, no Sport, fazia essa função. Ele não é centroavante de referência. Se quiser sair para armar, tem liberdade”, reiterou o comandante.

Com dois gols marcados em seis jogos pelo Tricolor, Diego Souza se colocou à disposição do treinador. Afinal, jogando dessa maneira, ele espera ser convocado para defender a Seleção Brasileira na Copa do Mundo.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time 

“Hoje eu sou camisa 9, mas sou meia de origem. O que eu quero é ganhar. Se tiver de jogar de 9 ou 10, o Dorival sabe bem o que fazer. Eu quero atuar e bem. O Tite me conhece muito bem e, tanto de 10 quanto de 9, o importante é estar atuando para que eu possa estar brigando por uma convocação”, analisou o meia-atacante, que teve atuação apagada diante do Bragantino.

Com a vitória, o São Paulo chegou aos dez pontos e se isolou na liderança do Grupo B do Estadual. Com direito a folga no Carnaval, a equipe terá como próximo compromisso o duelo com o Ituano, na quinta-feira (15), no Estádio Novelli Júnior.

Leia também:

Ganso disputado por brasileiros

City mira craque argentino

Napoli ainda quer joia do Timão

(Crédito da imagem: Ricardo Moreira/Foto Arena)

Deixe seu comentário