Após polêmica, Jefferson explica sorriso em eliminação do Botafogo: "Encontrei um amigo"

Criticado por parte da torcida nas redes sociais após a queda do Alvinegro na Copa do Brasil, nesta terça-feira (6), contra a Aparecidense, goleiro faz post com desabafo

343235

Depois da partida de ontem quero deixar claro que compartilho do mesmo sentimento que todos os botafoguenses. Tenho, no total, 10 anos de clube e todas vezes que cheguei para treinar ou entrei em campo para jogar, respeitei a camisa que visto. Portanto, a decepção da torcida alvinegra é a minha também, afinal nós somos um só. Já provei em outras oportunidades meu comprometimento com a instituição. No fim do jogo, encontrei um amigo da época de categoria de base do Cruzeiro e tive uma reação natural em revê-lo depois de tanto tempo. No mais, agradeço o apoio dos torcedores que sempre me incentivaram. Vamos seguir trabalhando com seriedade para colocar o Botafogo onde merece. Obrigado e abraços!

Uma publicação compartilhada por Jefferson (@j1jefferson) em

A derrota por 2 a 1 para a modesta Aparecidense, que culminou com a eliminação do Botafogo ainda na primeira fase da Copa do Brasil, nesta terça-feira (6 de fevereiro), gerou efeitos colaterais. Insatisfeitos com a queda precoce, muitos torcedores alvinegros questionaram o goleiro Jefferson, que logo após o duelo foi flagrado sorrindo ainda no gramado pelas câmeras FOX Sports

Decisões na Libertadores e Copa do Brasil: a semana no FOX Sports 

Depois de ser muito criticado nas redes sociais, o ídolo do clube, que se igualou a Manga e entrou para o Top 5 de jogadores que mais defenderam as cores do Botafogo, com 442 jogos, aproveitou para postar um desabafo em seus perfils oficiais na internet, explicando que a reação foi natural e pelo simples fato de reencontrar um velho amigo da base do Cruzeiro.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time 

Confira a explicação:

"Depois da partida de ontem quero deixar claro que compartilho do mesmo sentimento que todos os botafoguenses. Tenho, no total, 10 anos de clube e todas vezes que cheguei para treinar ou entrei em campo para jogar, respeitei a camisa que visto. Portanto, a decepção da torcida alvinegra é a minha também, afinal nós somos um só.

Já provei em outras oportunidades meu comprometimento com a instituição. No fim do jogo, encontrei um amigo da época de categoria de base do Cruzeiro e tive uma reação natural em revê-lo depois de tanto tempo.

No mais, agradeço o apoio dos torcedores que sempre me incentivaram. Vamos seguir trabalhando com seriedade para colocar o Botafogo onde merece. Obrigado e abraços!", finalizou o goleiro.

(Crédito da foto: Vitor Silva/Flickr Botafogo)

Saiba mais:

Fla recebeu oferta por Paquetá

Andrés defines nomes no Timão

PSG e Real querem joia do Barça

(Crédito da imagem: Ivan Storti/SantosFC)

Deixe seu comentário