Com novo contrato, Messi terá renda anual superior a RS 300 milhões

Com novo contrato, Messi terá renda anual superior a R$ 300 milhões

Messi fechou um novo acordo com o Barcelona em novembro do ano passado, mas a documentação ainda não estava inteiramente pronta

Gazeta Press

Dinheiro realmente não é um problema para Lionel Messi. Eleito o melhor jogador do mundo em cinco oportunidades, o craque do Barcelona terá receitas anuais superiores a 100 milhões de euros (R$ 390 milhões), considerando salários e direitos de imagem, conforme divulgado nesta sexta-feira por um grupo de meios de comunicação chamado European Investigation Collaborations [ECI).

Rivais de Fla, Palmeiras e Corinthians na Libertadores na tela do FOX Sports no fim de semana

Saiba mais:

Quesada: o que separa Goulart do Palmeiras

Scarpa consegue liminar para deixar o Flu

Hamburgo impõe condição para negociar Walace

A grande quantia que o meia argentino começará a arrecadar se dá por conta da assinatura de seu novo contrato com o clube catalão. Messi fechou um novo acordo com o Barcelona em novembro do ano passado. Já a documentação que o ECI teve acesso é de junho, o que leva a crer que o jogador aceitou a proposta ou então ela foi melhorada para que a negociação se concretizasse.

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Com contrato até o meio do ano de 2021, Lionel Messi receberá neste período 70 milhões de euros (R$ 273 milhões), verba correspondente a 85% de seu salário e 15% de seu direito de imagem. Além disso, o craque argentino receberá um bônus pela assinatura do contrato, as chamadas “luvas”, de 63,5 milhões de euros (R$ 247,6 milhões). O mar de dinheiro não para por aqui. Por sua lealdade ao clube catalão, o camisa 10 também contará com outros 70 milhões de euros, estes apenas em caso de cumprimento do vínculo.

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!