Jornal diz que elenco do PSG ficou contra Neymar depois de nova atitude de Cavani

Jornal diz que elenco do PSG ficou contra Neymar depois de nova atitude de Cavani

Desentendimento entre os jogadores começou em campo após escolha para cobrança de pênaltis no jogo diante do Lyon, no domingo (17 de setembro)

FOX Sports

Segundo informa o jornal francês El País, a maior parte do elenco do Paris Saint-Germain esteve ao lado do uruguaio Edinson Cavani após desentendimento em campo com o brasileiro Neymar devido a cobrança de uma penalidade. O grupo a favor do camisa 9 ficou mais forte após o presidente Nasser Al-Khelaifi ter tentado amenizar a situação entre suas duas estrelas.

Final da Copa do Brasil e Liga Europa no FOX Sports

O dono do clube estava com a intenção de encerrar a confusão e de permitir que Neymar se transformasse no batedor oficial do time parisiense. Por isso confirmou que pagaria imediatamente o bônus de um milhão de euros (R$ 3,7 milhões) que Cavani tem direito a receber caso seja o artilheiro da equipe na temporada.

Porém, o jogador não recebeu bem a ideia e teria negado. A publicação aponta que o uruguaio disse que não se interessava em dinheiro e que seguiria sendo o responsável pelas bolas paradas do time francês, o qual defende há quatro anos as cores da camisa e é o terceiro capitão na hierarquia da equipe.

A fonte completa que a ausência do brasileiro entre os relacionados para o jogo diante o Montpellier, no sábado (23 de setembro), foi após Neymar saber da recusa de Cavani para deixar o posto. Sendo assim, o jogador disse que estava com dores no pé.

Saiba mais:

Desejo de Fla e Palmeiras custou fortuna

Tevez é detonado por clube chinês

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade