'Incomoda': Rincón reprova série 'Narcos' e diz que Colômbia 'é mais do que isso'

Em entrevista exclusiva ao FOXSports.com.br, o ex-jogador do América de Cali e seleção colombiana deu sua opinião sobre a produção norte-americana

False
322393

Febre mundial desde a sua estreia no Netflix, em 2015, a série ‘Narcos’ não agrada a todos os públicos e gostos, incluindo aqueles que de alguma forma já fizeram parte da história, que retrata a relação entres os cartéis do narcotráfico e a Colômbia, incluindo o futebol, na segunda metade do século passado. Em entrevista exclusiva ao FOXSports.com.br, o ex-jogador do América de Cali, Palmeiras e Corinthians Freddy Rincón falou sobre a produção norte-americana e de certa forma criticou a imagem que ela passa sobre o país.

Fla exclusivo, Corinthians e Santos no FOX Sports

Ícone do futebol colombiano nos anos 90, o meio-campo vestiu a camisa do América, que na época tinha como dono Miguel Rodríguez Orejuela, um dos chefes do Cartel de Cali, que dominou as vendas de drogas na Colômbia logo após a morte de Pablo Escobar, até então o homem mais poderoso do país.

Rincón nega que o narcotráfico de alguma forma tenha interferido diretamente no desempenho dos jogadores dentro das quatro linhas, uma vez que as questões extra-campo eram resolvidas entre os próprios traficantes.

“Dentro do futebol se ouve falar sobre esse tipo de coisa, mas nós jogadores nunca fomos incomodados por conta disso, ameaçados, não, eles sempre estiveram do nosso lado. Os jogadores de futebol não tiveram esse problema com o narcotráfico, o problema era deles e eles resolviam entre eles”, afirmou o ex-jogador.

Perguntado sobre a série ‘Narcos’, Rincón afirmou ainda não ter assistido, mas também “não se importar”. Segundo ele, produções como essa “incomodam”, uma vez que retratam uma realidade que já existiu em seu país, mas que acabam escondendo a verdadeira essência da Colômbia.

“Eu não assisto, até porque não tem conteúdo nenhum para mim. Eu não vejo essas séries não. Uma coisa é uma realidade, mas que te vejam só por isso é terrível. Incomoda porque a gente tem outras coisas aqui na Colômbia, não só o narcotráfico, a Colômbia é mais que isso”, completou.

Saiba mais:

Tevez leva puxão na orellha na China

Rival do Corinthians tem o mesmo apelido do Palmeiras

Presidente do Barça afirma que ídolos ficam

Deixe seu comentário