Isinbayeva se candidata à presidência da Federação Russa de Atletismo

Isinbayeva se candidata à presidência da Federação Russa de Atletismo

Aposentada desde o último mês de agosto, bicampeã olímpica anunciou candidatura para o cargo mais alto da modalidade na Rússia

PRÉ-JOGO LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
PRÉ-JOGO LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: FORTUNA DÜSSELDORF X BAYERN DE MUNIQUE
CAMPEONATO ALEMÃO: FORTUNA DÜSSELDORF X BAYERN DE MUNIQUE
ao vivo
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 2
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 2
ao vivo
FINAL LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
FINAL LIBERTADORES: FLAMENGO X RIVER PLATE (ARG)
ao vivo
NBB: PINHEIROS X FLAMENGO
NBB: PINHEIROS X FLAMENGO
ao vivo
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA DORTMUND X PADERBORN
CAMPEONATO ALEMÃO: BORUSSIA DORTMUND X PADERBORN
ao vivo
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 1
FÓRMULA E: ARÁBIA SAUDITA - CORRIDA 1
ao vivo
BAIXE O APLICATIVO
Gazeta Press

Nesta quarta-feira (28 de setembro), a russa Yelena Isinbayeva anunciou que será candidata ao cargo de presidente da Federação Russa de Atletismo. A multicampeã, que anunciou sua aposentaria do esporte em agosto, também integra a Comissão de Atletas do Comitê Olímpico Internacional (COI).

“Eu resolvi liderar nossa Federação e restaurar o seu prestígio diante da Iaaf (Federação Internacional de Atletismo). Eu tenho meu próprio plano para a Rússia voltar a ser membro da Iaaf, mas não será uma tarefa fácil”, declarou à agência russa Tass. A eleição acontecerá o dia 9 de dezembro.

Saiba mais:

Ficou no quase: Zidane lamenta empate do Dortmund no fim da partida: 'Foi doloroso'

Classificado: Atlético Nacional bate Sol de América e pode enfrentar Coritiba

Soltou o verbo: Serena desabafa sobre tensão racial nos EUA: 'Não ficarei calada' 

Após escândalos de doping envolvendo atletas, a federação do país e a Federação Internacional, a Iaaf baniu o atletismo da Rússia, que foi proibido de disputar competições internacionais, ficando fora, por exemplo, dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Assim, Isinbayeva, que pretendia encerrar sua carreira após a disputa do Rio 2016, teve seus planos interrompidos. Um dos principais nomes do atletismo russo, a atleta do salto com vara acumulou inúmeras conquistas e recordes na carreira, além de dois ouros olímpicos (Atenas 2004 e Pequim 2008), e um bronze (Londres 2012).

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade