Brasil desbanca a Eslováquia e ganha bronze no tênis de mesa por equipes

Brasil desbanca a Eslováquia e ganha bronze no tênis de mesa por equipes

Depois de começar perdendo, equipe da casa bateu os rivais europeus, tricampeões olímpicos, pelo placar de 2 a 1 e garantiram mais uma medalha

Gazeta Press

A Seleção Brasileira masculina de tênis de mesa deu mais uma medalha ao Brasil nas Paralimpíadas do Rio de Janeiro. Neste sábado (17 de setembro), a equipe formada por Aloísio Lima, Guilherme Marcião da Costa e Iranildo Conceição Espíndola desbancou o time tricampeão paralímpico da Eslováquia por 2 a 1.

A vitória brasileira no confronto veio somente na terceira e última partida, quando Iranildo superou Martin Ludrovsky por 3 sets a 2, com parciais de 11/6, 3/11, 9/11, 11/7 e 11/8, empurrado pela torcida que compareceu em peso e apoiou a todo momento.

Veja mais

Não resistiu: Cristóvão Borges é demitido do Corinthians depois de derrota para o Palmeiras

Na frente: Vice-líder, Flamengo é apontado por matemático como favorito ao título do Brasileirão

Quatro propostas: Além do PSG, Real Madrid e a dupla de Manchester tentaram tirar Neymar do Barcelona

No primeiro jogo, de duplas, o Brasil saiu na frente da Eslováquia, com a vitória de Guilherme e Iranildo sobre a dupla eslovaca, formada por Jan Riapos e Rastislav Revucky por 3 sets a 2, com parciais de 9/11, 11/8, 11/6, 4/11 e 11/5.

Na sequência, Guilherme da Costa enfrentou Jan Riapos, número 3 do mundo, no segundo jogo da série, o primeiro individual. O brasileiro chegou a vencer um set, porém acabou derrotado por 3 a 1, com parciais de 11/3, 11/9, 8/11 e 11/9. Mesmo com a derrota de Guilherme, o Brasil venceu o confronto com a vitória de Iranildo sobre Ludrovsky.

Publicidade
Link copiado para a área de transferência!
Publicidade